A humanidade se deu mal: criou os djinnis, seres voltados para combate. Dominada por eles, foi confinada a um lugar chamado Midgard, controlado por um djinni cruel conhecido como Hob - cujo passatempo favorito é torturar os humanos que sobraram.

Entre as poucas opções de diversão restante estão as lutas nas arenas, sangrentas e, não raro, mortais. Leif, um jovem de 16 anos, deseja se tornar o melhor lutador da temida Arena 13, aonde o objetivo das lutas, sempre com lâminas, é derrubar o sangue adversário. Na verdade, o jovem busca vingança contra Hob, que matou seus pais.

Delaney imaginou um futuro sombrio. Criou um cenário aterrador, e um estilo de luta complicado e feroz.

Publicidade
Publicidade

Misturando tecnologia às lutas de gladiadores, o autor criou os lacs, seres programados que ajudam os lutadores nas batalhas. Ou tornam as lutas mais difíceis.

Pode não ser fácil enxergar mentalmente como essas "lutas acompanhadas" funcionam na prática; aliás, muita coisa nessa história tem relação direta com a imaginação do autor.

Ciente disso, Delaney tomou algumas precauções: criou um site para Arena 13, descreveu todas as regras de combate logo no início do livro, e acrescentou um glossário, necessário à história porque criou seres e palavras novas.

Não é difícil se envolver com os personagens. O autor consegue criar essa empatia literária, com sua mistura interessante de fantasia, distopia, tecnologia e "gladiações" variadas.

Faltou apenas um pouco mais de lutas, afinal, seria de esperar ler sobre elas, com bastante ação e técnica dos lutadores.

Publicidade

Mas nesse livro, primeiro de uma trilogia, o enfoque maior são as histórias dos personagens e suas motivações.

A ideia de Arena 13 é meio antiga. Surgiu quando o autor comprou seu primeiro computador, e foi baseada, segundo ele, numa linguagem de programação chamada Forth, posterior à Basic.

Somente agora foi para o papel. Ainda não há previsão de lançamento para os outros dois títulos da série.

Arena 13. Joseph Delaney. Trad. Stephania Matousek. Bertrand Brasil. 320 págs. R$ 39,90. #Entretenimento #Livros #Literatura