A organização do #Rock in Rio anunciou, nesta terça-feira (13), em sua página oficial, a confirmação do show da banda estadunidense, #bon jovi, no dia 22 de setembro de #2017. O evento desse ano terá uma nova cidade do rock, planejada no Parque Olímpico do Rio de Janeiro, substituindo a antiga arena no do Recreio dos Bandeirantes.

A banda de hard rock de New Jersey que estourou nos anos 80, hoje se coloca como uma das bandas mais bem sucedidas do mercado, já vendeu mais 130 milhões de cópias de seus trabalhos, entre discos e DVDs. Só o álbum de estreia da banda, em 21 de janeiro de 1984, teve mais de 500 mil cópias vendidas apenas nos Estados Unidos.

Publicidade
Publicidade

Na formação da banda temos o vocalista Jon Bon Jovi, o guitarrista Richie Sambora, o baterista Tico Torres e p tecladista David Bryan. Até 1994, a banda também teve Alec John Such como membro oficial, mas o baixista deixou o grupo e nunca foi substituído. O Bon Jovi permaneceu, então, como um quarteto.

O show no Parque Olímpico será o retorno de Bon Jovi ao Rock in Rio, já que sua última apresentação no evento foi no ano de 2013, ano em que Jon Bon Jovi beijou uma fã ao palco e misturou ao seu repertório hits dos Rolling Stones. Naquele mesmo show, o grupo tocou desfalcado de seus guitarrista e baterista. O primeiro foi afastado da turnê por problemas pessoais, o segundo foi levado as pressas ao hospital para uma cirurgia na vesícula.

Além dos clássicos "Livin' On a Prayer", "Always" e "It's My Life”, estarão no repertório da banda faixas de seu novo álbum lançado em novembro deste ano, “This House Is Not For Sale", o 13º da carreira do quarteto, cuja composição em geral foi muito elogiada pela crítica musical.

Publicidade

Na véspera, dia 21 de setembro de 2017, também volta aos palcos do evento, após 26 anos, o britânico Billy Idol, que se apresentou pela última vez no Brasil em 1991, Rock in Rio II.

A primeira venda de ingressos para o evento esgotou em menos de duas horas do início das vendas. A segunda venda de ingressos acontecerá em abril do ano que vem.