Desde que a figura do Papai Noel se tornou tão conhecida lá no século XVI, a tradição de presentear as pessoas que amamos se tornou tão popular quanto a própria ceia de Natal. Cartinhas para o São Nicolau, a preparação de bolachas e um copo de leite quente, para que o "bom velhinho" possa se alimentar, são obrigatórios.

Mas, o Natal não se trata apenas de presentes e os filmes mostram bem essa realidade. Por isso, para se preparar para essa data tão especial, estes sete filmes não podem faltar na sua lista: #afelicidadenaosecompra #Cinema

  • 1. A Felicidade Não Se Compra (1946): Um dos maiores clássicos natalinos de todos os tempos, é difícil de acreditar hoje, porém o filme teve uma péssima bilheteria quando estreou, lá nos anos 1940. Isso porque, na época, o filme teve que disputar espaço com Os Melhores Anos de Nossas Vidas. A Felicidade Não se Compra apenas se tornou um clássico de Natal quando começou a passar na TV a cabo, lá nos anos 1970. O filme, aliás, conta a história de George Bailey (#jimmy stewart), um homem de negócios frustrado que deseja não ter nascido. Assim, um anjo desce até ele e mostra como tantas vidas seriam alteradas se isso tivesse acontecido.
  • 2. Vacanze de Natale (1983): O primeiro filme natalino realmente de comédia da Itália, Vacanze de Natale fez tanto sucesso que teve 17 sequências, todas com o tema de férias natalinas em diferentes países, como nos Estados Unidos e Índia. O primeiro filme da franquia conta a história de dois casais e um playboy inveterado enquanto brincam do antigo jogo de sedução. Com uma comédia certeira e um grande elenco italiano que inclui o filho da lenda Vittorio de Sica, Cristiano de Sica, a diversão é certa.
  • 3. Feliz Natal (2008): O primeiro longa metragem dirigido pelo ator Selton Mello, Feliz Natal retrata os dramas comuns de uma família de classe média, que vão desde a mãe depressiva até o pai que vive às custas do filho. O protagonista da história é Caio (Leonardo Medeiros), a típica ovelha negra que só reaparece na casa onde viveu a infância no Natal. Sem grandes toques cômicos, o diretor foca totalmente nos dramas de cada personagem, mostrando que, para ele, o Natal é tempo de retrospectiva e nada mais.
  • 4. Um Anjo em Minha Vida (1996): Refilmagem do clássico Um Anjo Caiu do Céu, de 1947, que contava com atores como Cary Grant e Loretta Young, a versão de 1996 também é muito popular e tem um elenco super carismático, com nomes como Denzel Washington e a cantora Whitney Houston. Nele, conhecemos a história de um pastor de comunidade, tão sobrecarregado com o seu cargo que mal tem tempo para sua família. É assim que ele pede ajuda para Deus e recebe, literalmente, um anjo em sua vida.
  • 5. Indiscrição (1945): Uma comédia screwball natalina, Indiscrição conta com Barbara Stanwyck como a protagonista Elizabeth Lane, uma escritora culinária que sempre fingiu ser uma perfeita dona de casa. O problema começa quando seu editor acredita que convidar um veterano de guerra para passar o Natal com ela seria uma ótima publicidade para o jornal. Portanto, Elizabeth tem que se desdobrar para agradar a todos e não perder seu emprego no processo.
  • 6. De Ilusão Também se Vive (1939): Conhecido também pelo nome Milagre na Rua 34, um dos mais amados trabalhos do diretor George Seaton, tem a presença de um elenco de cair o queixo, com Maureen O' Hara, que faleceu neste ano, uma pequena Natalie Wood e John Payne. A história começa quando um Papai Noel de shopping afirma ser o verdadeiro São Nicolau e todos o consideram louco. O jovem advogado Fred Gailey resolve defendê-lo e assim preservar o verdadeiro espírito de Natal.
  • 7. Um Conto de Natal (2008): O que não falta neste filme francês natalino é o drama. Catherine Deneuve interpreta a matriarca da família Vuillard, que descobre ter câncer. Assim toda a família se reúne para o Natal, mas antigos ressentimentos e a possibilidade de dois deles terem que fazer um transplante de medula para salvar sua mãe é o que basta para que todos fiquem fora de controle.