O ator, cantor e compositor Lin-Manuel Miranda poderá ser o integrante mais jovem do seleto grupo de ganhadores do Egot - Emmy, Grammy, #Oscar e Tony - por ter sido um dos nomeados a categoria de "Melhor Música Original" por sua composição "How Far Will I Go" para o filme "Moana", animação da Disney.

Com apenas 37 anos, ele poderá pertencer a um seleto grupo de 12 pessoas. Entre os nomes que já conseguiram os quatro principais prêmios de cada arte estão Helen Hayes, Whoopi Goldberg e Mel Brooks. O multitalentoso ainda possui um prêmio Pulitzer e um "McArthur", conhecido por ser o prêmio dos gênios.

Manuel, entretanto, não terá uma competição fácil para conseguir o prêmio.

Publicidade
Publicidade

Ele irá concorrer com duas canções do fenômeno "La La Land", que recebeu 14 indicações no Oscar, a "Can't Stop The Feeling", que Justin Timberlake compôs para a animação "Trolls", e a composição de Sting para o documentário "Jim: The Jame Foley Story".

O maior prêmio do cinema será entregue no dia 26 de fevereiro.

Hamilton

Após o sucesso com o musical "In The Heights" - ganhador do Tony de Melhor Musical e Melhor Trilha Sonora original -, Lin-Manuel Miranda, de origem porto-riquenha, mas que cresceu em Nova Iorque, leu a biografia e Alexander #Hamilton, de Ron Chernow. Logo em 2009, ele já mostrou uma apresentação, não finalizada, para a White House Evening of Poetry, Music and Spoken Word, acompanhado por Alex Lacamoire.

Em janeiro de 2015, o musical finalmente estreou Off-#Broadway, dirigido por Thomas Kail.

Publicidade

Miranda escreveu o livros, as músicas e interpretava o personagem principal. Na metade do ano, ocorreu a transferência para a principal rua do teatro, com críticas ótimas e com filas de espera para as noites prévias.

O musical recebeu o maior número de nomeações para um Tony Awards, com 16 indicações. Ganhou 11, incluindo Melhor Musical, Melhor Trilha Sonora Original e Melhor Libreto. Além disso, recebeu Grammy pelas músicas do musical.

Atualmente o musical está com produção, além da Broadway, na cidade de Chicago e terá uma turnê americana. Além disso, uma produção britânica também está em processo para acontecer ainda em 2017.