No último domingo deste mês, dia 26, acontecerá a cerimônia de premiação do #Oscar 2017. A 89ª edição contará com apresentação do comediante Jimmi Kimmel e tem como favoritos à estatueta de “Melhor Filme” a comédia romântica La La Land e o drama Moonlight. Entre os filmes estrangeiros, não consta nenhuma produção da América Latina, ao contrário do ocorrido em edições anteriores. Confira a lista de indicados à categoria “Melhor Filme” e programe-se para assistir e torcer pelo seu favorito na cerimônia:

La La Land (Cantando Estações): A comédia romântica musical tem como protagonistas os mais novos queridinhos de Hollywood, Emma Stone e Ryan Gosling, em uma história de amor na Los Angeles atual, onde um pianista de jazz se apaixona por uma aspirante a atriz.

Publicidade
Publicidade

O longa recebeu 14 indicações ao Oscar, incluindo “Melhor Filme”, “Melhor Ator” e “Atriz”, “Melhor Canção Original” e “Melhor Direção”.

Moonlight (Sob a Luz do Luar): Somando nove indicações, inclusive de “Melhor Direção”, o longa de Barry Jenkins utiliza recursos da narrativa não linear para percorrer a história de um jovem negro, da infância até a idade adulta, sua descoberta da sexualidade e luta pelo autoconhecimento, enquanto cresce em um bairro da periferia de Miami. Segundo o jornal britânico The Guardian, a proposta de narrativa é incrível criando um filme completamente único.

Hell or High Water (A Qualquer Custo): Indicado em quatro categorias, a película de Taylor Sheridan narra o drama familiar de dois irmãos que planejam um assalto a banco na tentativa desesperada de salvar o rancho da família no Texas.

Publicidade

Destaque para a atuação de Jeff Bridges, que recebeu indicação de “Melhor Ator Coadjuvante”.

Lion (Lion: Uma Jornada para Casa): O drama narra a história de Saroo, que, aos 5 anos, se perdeu do irmão em uma estação de trem e sua jornada para encontrá-lo, já na idade adulta. O longa conta com excelentes atuações de Dev Patel e Nicole Kidman, ambos indicados na categoria “Coadjuvantes”.

Manchester by the Sea (Manchester à Beira-mar): O drama familiar de retorno às origens, passado, luto e esperança é sólido e conseguiu seis indicações, mas o destaque fica por conta da produtora Amazon Studios, já que o filme foi distribuído pelo sistema de streaming, inédito até então.

Hidden Figures (Estrelas Além do Tempo): O filme biográfico narra o drama de um time de cientistas negras trabalhando para a Nasa na corrida espacial dos anos 1950 e 1960. Com indicações de também de “Melhor Atriz Coadjuvante” para Octavia Spencer, o drama, segundo o jornal Independent, tem se demonstrado um bom concorrente ao favorito La La Land.

Publicidade

Arrival (A Chegada): São 10 indicações que a trama de ficção científica do diretor Denis Villeneuve emplacou nesta edição do Oscar, incluindo “Melhor Direção”. A história gira em torno da chegada de objetos extraterrestres e os esforços de uma professora para traduzir as mensagens enviadas por estes.

Hacksaw Ridge (Até o Último Homem): O mais novo filme de Mel Gibson na direção narra a história verdadeira de Desmond T. Doss, um soldado aspirante à médico que durante a Segunda Guerra Mundial se recusa a matar, porém, seu trabalho no resgate heroico das vítimas no campo de batalha salvou 75 vidas.

Fences (Um Limite entre Nós): Dirigido e estrelado por Denzel Washington, que também concorre na categoria “Melhor Ator”, o drama sobre os caminhos e frustrações da vida adulta é uma adaptação da peça homônima de August Wilson e tem sido muito bem recebido pela crítica, principalmente pelo uso de diálogos de peso.

O que é o Oscar

O Oscar é o nome comum dado à premiação da Academia de Filmes e Artes dos Estados Unidos, como também é referência ao troféu recebido pelos premiados. Sua primeira edição ocorreu em 1929, tornando-se, desde então, a mais famosa premiação da área no mundo. #Oscar 2017