Sabe aqueles momentos de tristeza em que a única coisa a se fazer é ir para um lugar isolado e que ninguém nos perturbe. Aqui estão as dez canções para momentos de intensa melancolia ou momentos passageiros de frustração que nos acometem todos os dias.

Elas são ótimas companhias para quem afoga suas mágoas, seja no álcool ou chocolate. Vamos lá!

1 - Hino ao Amor

A canção originalmente foi interpretada por Édith Piaf na década de 50. Foi regravada também pela estonteante Maysa, famosa nas décadas de 50, 60 e 70. A canção descreve um lado da vida dessa musa da MPB que teve uma vida cheia de excessos, desilusões e falsas promessas.

Publicidade
Publicidade

Cantou suas dores e seus amores, e foi chamada por alguns de 'Rainha da fossa', que acabou tendo um final trágico em 1976 ao sofrer um acidente automobilístico na ponte Rio-Niterói.

2 - Se Todos Fossem Iguais a Você

Canção escrita por Tom Jobim, conhecido por sempre homenagear a Cidade Maravilhosa em seu trabalho. Essa #Música é uma declaração a alguém que aparentemente tem o mundo ao seus pés, e ao mesmo nos faz lembrar aquelas pessoas que são únicas em nossa vida.

3 - Sua Estupidez

Lançada em 1969 pelo nosso Rei Roberto Carlos, escrita em colaboração com seu eterno parceiro desde a Jovem Guarda, Erasmo Carlos. Foi a primeira canção que o definiu como um cantor romântico, o mesmo exemplifica a música como grito de alerta para as pessoas que amam, mas vivem infelizes.

4 - Je Suis Malade

Uma das canções mais expressivas da cantora ítalo-francesa Dalida.

Publicidade

O sucesso composto pelo cantor francês Serge Lama, em 1971, foi também sucesso na voz de Dalida no final dos anos 70. A letra era como um pedido de socorro para a vida conturbada e rodeada de conflitos que a cantora vivia. Vindo a suicidar-se em 1987.

5 - No, Je No Regrette Rien

Composta em 1956 por Michel Vaucaire, e gravada em 1960 por Édith Piaf. A canção é considerada como a despedida triunfal da cantora francesa, que teve uma vida trágica. Vindo a falecer em 1963 por uma overdose de álcool e medicamentos.

6 - Ciao, Amore, Ciao

A canção foi composta pelo cantor italiano Luigi Tenco em 1967. A letra fala da decisão de deixar um amor ir de encontro ao seu destino. Na época, namorado da cantora Dalida, apresentou a canção no Festival de Sanremo, não sendo apreciada pelo público, que a desclassificou da competição. Levando Luigi a cometer suicídio horas depois para o espanto de todos.

7 - You Don't Own Me

Canção de 1963, interpretada pela cantora americana Lesley Gore. A letra. composta por John Damara e Dave White, é uma resposta a dominação do sexo masculino sob o feminino.

Publicidade

8 - Don't Let Me Be Misunderstood

Conhecida na voz potente da cantora Nina Simone. A canção é uma composição de Bennie Benjamin, Gloria Cadwell e Sol Marcus em 1964. A letra fala de uma falta de compreensão que acomete o relacionamento de várias pessoas.

9 - I Only Want To Be With You

A letra é uma verdadeira declaração de amor, ou uma resposta direta a um amor não correspondido. Lançada em 1963 como um dos primeiros sucessos da diva pop Dusty Springfield.

10 - Hello

Considerada uma das maiores revelações da música pop internacional, Adele é mestra em transformar suas dores em poderosas canções. Assim como em seus trabalhos anteriores, a canção Hello é um trocadilho com o passado e o presente de Adele, como uma forma de deixar seu outro eu para trás.

Pronto! Agora é só lembrar de ouvir esses verdadeiros clássicos nas horas escuras da vida.