É de crença popular que ter ciúmes é algo "normal". Todos alegam que sentir ciúmes de alguém é um sinal de amor e afeto, e até justificam algumas atitudes como sendo algo feito por "cuidado" ou "proteção". Mas o fato é que o #ciúme pode se tornar excessivo e deixar um #Relacionamento que poderia ser saudável, em conturbado e cansativo. É preciso saber distinguir quando um comportamento foge do normal e passa a se tornar abusivo. Separamos algumas dicas que você pode - e deve! - observar em seu parceiro, e que podem te ajudar a identificar um relacionamento perigoso e fadado ao fracasso.

1 - Seu parceiro(a) não permite que você tenha amigos

Se seu parceiro implica com seus amigos, fique atento. Se ele tenta excessivamente te convencer que aquele seu amigo está interessado em você, ou que aquela sua amiga solteira é uma má influência, observe com o dobro de atenção, pois muitas vezes isso é somente uma tentativa de te isolar para que você fique cada vez mais dependente dele.

Publicidade
Publicidade

2- Ele(a) controla suas redes sociais

Seu companheiro faz questão de mexer no seu celular, constantemente exige que você lhe diga a senha das suas redes sociais e checa toda as suas conversas: fuja dele! Um relacionamento deve ser baseado em confiança - uma pessoa com essas atitudes, além de não confiar em você, ainda demonstra ter respeito por seu espaço e sua privacidade.

3- Ele(a) julga seu comportamento

Se você não está fazendo nada de errado, então não deve mudar seu jeito de ser por absolutamente ninguém. Se a pessoa que você está saindo está constantemente criticando suas roupas, seus gostos, as músicas que você gosta e até o seu tom de voz, parta para outra. Encontre alguém que valorize quem você é e não se permita ser controlado.

4- Ele(a) não deixa você sair sozinho(a)

Sair com os amigos é algo absolutamente comum e saudável, e não há nada de errado em você se divertir sem o seu parceiro.

Publicidade

Quando há confiança mútua, não há porque você deixar de passar um tempo com seus amigos - muito pelo contrário! Fazer sozinho seus programas preferidos, ainda que poucas vezes, contribui para um relacionamento duradouro.

5- Ele(a) implica com coisas comuns

Ele implica com as fotos que você posta, com a direção que você olha quando estão andando na rua, com um suspiro mais profundo que você dá. Você vive pisando em ovos, pois qualquer coisa que você faz pode despertar um comportamento explosivo no outro e desencadear uma briga. Viver assim é extremamente cansativo e a probabilidade do relacionamento seguir um caminho auto destrutivo é muito alta. #Casal