Jasmine van den Bogaerde ou "Birdy". como é conhecida artisticamente, tem 20 anos, canta, compõe e toca lindamente seu piano. A menina prodígio iniciou as primeiras notas no piano com 4 anos, começou a compor com 7 e com apenas 12 anos ganhou uma competição britânica de música cantando uma canção autoral, "Be Free". Em 2014, foi indicada ao maior prêmio da indústria fonográfica britânica, o BRIT Awards, como melhor artista britânica solo feminina.

Se não sabe quem é Birdy, com certeza se lembrará de algumas destas músicas, que aumentaram o sentido de cenas importantes em vários filmes e séries. Estão aqui algumas delas!

Skinny love

Um cover poderoso de Bon Iver que virou trilha sonora da série The Vampire Diaries.

Publicidade
Publicidade

Esta música regravada por Birdy narra um amor frágil (tradução literal do título), um amor que precisa de cuidados contínuos por sempre cometer os mesmos erros, por ser desequilibrado, por deixar sempre a razão de lado. Um amor que não que ser despedaçado, mas que talvez seja a única opção. Melancólico e real!

Just a game

Composição de Birdy que retratou bem a história de Katniss Everdeen e Peeta Mellark em Jogos Vorazes. "Mas aí vem você, para me salvar do perigo, corrigir, aí vem você, para pegar-me em seus braços. Isso é só um jogo?"

A intensa letra escrita por Birdy, se você já assistiu a trilogia, retrata com beleza e dor a relação entre Katniss e Peeta, principalmente do primeiro #Filme, em que não se sabe ao certo se o amor é real, o sentimento é mútuo ou é só um jogo.

Learn me right

Munford and Sons (banda inglesa de indie folk) escreveu com Birdy a canção do filme Valente.

Publicidade

A letra expressiva fala sobre ser fraca e errar, mas mesmo assim continuar, viver os sonhos e arrastar a tristeza para longe. Uma dose de positividade e coragem, bem a cara da personagem Valente!

Not about Angels, Tee Shirt e Best Shot (parceria com Jaymes Young)

Sim, 3 músicas, todas estas são parte da trilha sonora que contou o romance de Hazel e August, em "A culpa é das Estrelas". Hazel e August se amam, é verdade, mas a provável morte de algum dos dois é injusta, não é? Deveriam eles desistir um do outro? Não! Por isso Birdy incentiva em suas letras, não desista! Seja livre! E acredite que tudo é possível!

A cantora e compositora também fez outros "soundtracks", como "Um conto do destino" e "Refém da Paixão", com o som "Wings". "Shelter", "No Angels" e "Let it all" (parceria com Rhodes) são outros singles de Birdy, além de "1901", cover da banda inglesa de indie rock, Phoenix.

As composições de Birdy que transbordam sentido são abordadas com simplicidade. Prova de que a essência de música boa nem sempre são seus muitos efeitos, mas sim uma letra cheia de significado e melodia pura.