A procura de um bom lugar para viver sempre foi constante e muitas vezes, impulsionada por ocasiões que marcam a nossa historia.

A #Imigração italiana para o Brasil teve sua motivação após anos de guerra, entre a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, por volta do ano de 1870, onde foi a concentração do maior numero de imigrantes. Com o fim da escravidão em 1888, os trabalhos eram considerados semi-escravos diminuindo a imigração, que nesta época se concentrava mais em Argentina e Estados Unidos.

Com todos esses acontecimentos, o Brasil possui hoje muita influência italiana na sua cultura. Vários costumes adotados atualmente por todo o território, teve como origem a cultura italiana, como por exemplo a famosa despedida "tchau" que todos falamos, veio de uma adaptação da palavra italiana "ciao".

Publicidade
Publicidade

Sem contar que nossas mesas também ganharam vários pratos que hoje faz a alegria da maioria dos brasileiros, por exemplo a pizza, o espaguete, e o famoso hábito de comer aquele delicioso panetone no natal.

Nos dias de hoje, as pessoas se motivam a procura de qualidade de vida, sendo esse o principal motivo, mas muitas vezes não sabem por onde começar, alguns até buscam pela sua origem familiar, ou seja, nossos imigrantes vindos da Europa.

Mas e você, sabe de onde vem exatamente sua origem?

Sangue italiano

A cultura italiana é rica e sua cidadania é adquirida através do princípio " jus sanguini " ( direito de sangue), ou seja, basta ser descendente italiano para fazer o pedido de cidadania, claro que dentro das leis e burocracias vigentes.

Se você tem ascendência italiana, saiba que alguns passos podem ser importantes na hora de buscar suas origens, pois assim fica mais fácil solucionar as questões burocráticas, e envios de documentação, caso se interesse em adquirir a dupla cidadania.

Publicidade

Pode parecer besteira mas na maioria das vezes as pessoas não conseguem localizar parentesco, ou origem de partida, pelo fato de o sobrenome ter sido registrado com a grafia errada aqui no Brasil. Então, antes de tudo certifique-se que o sobrenome de sua família esteja correto, uma boa dica é perguntar para as pessoas que estiveram mais próximas da época como avós. Assim eles com certeza lembrarão de algo a mais que possa te ajudar.

Um bom exemplo de erro é o sobrenome "Forte", que possui várias variantes com " i " ou sem vogal no final.

Para facilitar existe o seguinte web site que poderá ajudar a descobrir se o sobrenome esta correto:

http://cognome.alfemminile.com/w/cognomi/italia.html

Com o site aberto, procure o seguinte texto, "Tutti i cognomi in ordine alfabetico", selecione a primeira letra correspondente e procure o nome em ordem alfabética.

Pense Itália!

Com a confirmação da escrita do sobrenome italiano, você poderá ter uma ideia da Província ou Comuna de onde veio o imigrante da sua família.

Publicidade

Basta inserir o sobrenome no campo " Cognome " e depois clique em " Cerca! " no seguinte web site:

http://www.cognomix.it/mappe-dei-cognomi-italiani/

No lado direito do mapa, o site mostrará o resultado distribuído por região, clique no nome da região com o maior numero de pessoas com o seu sobrenome.

Novamente no lado direito será mostrado detalhes , mas agora por Província. Clique na Província com o maior número de pessoas. Se houver mais regiões com o número de pessoas parecido, é valido pesquisar as duas.

Por fim, após clicar nas Províncias o site mostrará as comunas onde seu ancestral pode ter vivido.

Sabendo todas essas informações basta agora mandar uma carta ou e-mail para a Comuna encontrada e se informar diretamente com eles sobre sua família.

Várias dúvidas podem ser tiradas através deste link do site Já fez as malas!

O site do consulado italiano em São Paulo também pode ser muito útil para esclarecer dúvidas.

Então, agora é só fazer as malas. Boa #Viagem! #Itália