Está em cartaz nos cinemas, desde o começo de junho, o filme 'Mulher Maravilha' (Wonder Woman no original em inglês), a mais recente produção da Warner Bros. baseada nos heróis dos quadrinhos da DC. As cenas de divulgação do filme causaram uma expectativa positiva nos fãs da heroína e dos heróis do universo DC em geral. Até mesmo o estranhamento inicial com a escolha da Gal Gadot para viver a protagonista parece ter sido colocado de lado pelos mais céticos.

Também fazem parte do elenco Chris Pine (o novo Capitão Kirk) e Robin Wright (a Claire Underwood da série da Netflix House of Cards), O elenco de apoio do filme não é dos mais carismáticos.

Publicidade
Publicidade

Talvez Danny Huston seja o rosto mais conhecido entre os coadjuvantes. Gal Gadot convence como Diana Prince/Mulher Maravilha, enquanto que Chris Pine, que interpreta o militar Steve Trevor, o par romântico da heroína na trama, faz um bom trabalho.

Em tempos de '#empoderamento' feminino (para usar a palavra da moda), pode haver a interpretação de que a personagem possa ser a representação da mulher que luta por seu papel em uma sociedade patriarcal. Aliado à essa visão feminista ainda há o fato de o filme ser dirigido por uma mulher, a pouco conhecida, diretora Patty Jenkins.

Muitos podem dizer que talvez não seja interessante depositar tanta expectativa nesta produção, por tratar-se de um filme de origem. Embora a personagem já tenha aparecido no execrável 'Batman vs Superman', é neste 'Mulher Maravilha' que é conhecida a origem da heroína.

Publicidade

Uma visita rápida ao dicionário, (ou ao Google), irá mostrar que o real significado da palavra "medíocre" do título deste artigo, não é aquele com o qual estamos acostumados, normalmente esta palavra é usada para designar algo que seja ruim. No caso deste artigo, a palavra está sendo empregada com o seu real significado; que é o de de algo que seja de qualidade média.

O problema parece ser que depois de fiascos como: 'Batman vs Superman' e 'Esquadrão Suicida' qualquer coisa que fosse melhor que estes filmes já seria o suficiente para colocar este 'Mulher Maravilha' como algo digno de ser comparado aos bem sucedidos filmes da rival Marvel. O que definitivamente não é caso desta produção.

A produção deixa escapar ótimas oportunidades para ser mais engraçado, como nas cenas que mostra a heroína se adaptando ao "mundo dos homens". No que diz respeito às cenas de ação, o filme tem boas lutas na maior parte do tempo, mas há um certa falta de originalidade, pois quase sempre há referência ao estilo "épico" das produções de Zack Snyder, que não passa de um diretor/produtor medíocre. #mulhermaravilha #Cinema