Um jovem chamado Billy Baston é escolhido para carregar os poderes do Mago #Shazam. Basta que ele grite o nome do mago – Shazam! – e pronto, de cada letra desse nome ele recebe um dom: a sabedoria de Salomão (S), a força de Hércules (H), a resistência de Atlas (A), os poderes mágicos de Zeus (Z), a coragem de Aquiles (A) e as habilidades de Mercúrio (M). O personagem está na lista dos heróis da DC Comics que estão ganhando adaptações para o cinema pela Warner Bros. desde 2013. Este ano, a Warner já lançou Mulher-Maravilha e ainda lançará #Liga da Justiça.

A adaptação de Shazam era um projeto antigo e demorou muito para ser confirmada, o que só veio a acontecer no último final de semana, durante a Comic-Con em San Diego, Califórnia (EUA).

Publicidade
Publicidade

O projeto contava apenas com Dwayne Johnson para o papel de Adão Negro, vilão arqui-inimigo de Shazam, mas ainda não tinha nenhuma garantia de que seria realmente produzida. Agora, segundo anúncio na Comic-Con, sabe-se que as filmagens estão marcadas para começar em fevereiro de 2018, e que o filme tem estreia prevista para 2019.

A participação de Dwayne Johnson foi adiada para uma possível sequência e nenhum outro nome do elenco foi confirmado, mas a direção ficará por conta de David Sandberg, que assinou a direção de filmes como Quando as Luzes se Apagam e Annabelle 2. Também não foram revelados detalhes da história, nem como os personagens Adão Negro e Shazam podem vir a se relacionar com os outros personagens do Universo Estendido da DC.

Universo Estendido

Universo Estendido é essa sequência de filmes ligados por personagens que habitam um mesmo universo imaginário, com heróis que protagonizam os seus próprios filmes e depois se unem para filmes em conjunto, ou aparecem às vezes nos filmes uns dos outros.

Publicidade

O Universo Estendido da DC já conta com quatro filmes: O Homem de Aço (2013), Batman vs Superman: A Origem da Justiça (2016), Esquadrão Suicida (2016) e Mulher-Maravilha (2017). Liga da Justiça será o quinto filme dessa sequência, que já tem confirmados também The Flash e Aquaman para 2018 – sobre personagens que este ano já integram a Liga da Justiça.

O Universo Estendido da DC sofre muitas críticas do público e está longe de ter o mesmo apelo do Universo Estendido da Marvel, com os Vingadores. Mas muitos apostam que Shazam pode dar um novo fôlego às adaptações da DC, especialmente com a aparição do personagem Adão Negro.

A ironia de toda essa história está em um detalhe até não muito importante, mas no mínimo curioso: originalmente, nos quadrinhos, Shazam era chamado Capitão Marvel, mas teve que mudar de nome justamente por conta da rivalidade entre Marvel e DC. #Universo Estendido DC