Publicidade
Publicidade

Morreu, no dia 26 de setembro, o ator e cantor Barry Dennen, que ficou eternizado como Pontius Pilatus no filme Jesus Cristo Superstar (Jesus Christ Superstar, 1973).

Dennen nasceu em Chicago em 22 de fevereiro de 1938. Sua família mudou-se para Los Angeles quando era criança. Após se formar na UCLA (onde estudou com George Takei) começou a carreira em Nova York, onde dividia apartamento com a namorada, a também aspirante a artista Barbra Streisand.

Em 1968, ele mudou-se para Londres, e lá recebeu o convite para viver o mestre de cerimônias na versão teatral inglesa de Cabaret, estrelado por Judi Dench. e por este trabalho, ganhou o "Evening Standard Award" de Melhor Ator.

Publicidade

Barry Dennen apresentando Judi Dench em Cabaret

Ao ver o ator nos palcos ingleses, Sir Andrew Lloyd Webber o convidou para viver Pontius Pilatus na inovadora peça Jesus Cristo Superstar, de Webber & Rice. Um ano depois o ator repetiria o papel na Broadway. O sucesso do espetáculo se repetiu na versão cinematográfica, dirigida por Norman Jewison.

Foi Dennen quem sugeriu ao diretor levar este espetáculo para as telas. Eles já haviam trabalhado juntos em outra adaptação da Broadway para o cinema feita pelo diretor: O Violinista no Telhado (Fiddler on the Roof, 1971), onde o ator interpretou Mendel, o filho do Rabino.

Barry Dennen estreou como ator na televisão atuando na série Batman, interpretando Fred, um vilão do bando da Jane Calamidade (vivida por Dina Merrill).

Publicidade

Seu primeiro trabalho no cinema foi no filme The Juggler of Notre Dame (1970).

Apesar de ser mais lembrado como um ator de teatro musical, atuou em pequenos papéis em diversos filmes ao longo de sua carreira. Ele atuou em um dos últimos filmes de John Wayne A Morte Segue Seus Passos (Brannigan, 1975), e em O Iluminado [VIDEO] (The Shining, 1980).

Também atuou em filmes como Ela Vai ter Um Bebê (Rabbit Test, 1978), Tratamento de Choque (Shock Treatment, 1981), Na Época do Ragtime (Ragtime, 1981), Trocando as Bolas (Trading Places, 1983) e Superman III (Idem, 1983). Seu último filme foi em Titanic (Idem, 1997), onde interpretou um dos passageiros do navio.

Em 1997, ele lançou um livro de memórias chamado My Life with Barbra [VIDEO]: A Love Story, onde revela como lançou a cantora para o estrelado conseguindo para ela seu primeiro show em uma boate.

Publicidade

Atualmente, o ator dedicava-se a dublagem de inúmeros desenhos e jogos de vídeo game. Também fazia turnês e shows como o Pilatus de

Barry Dennen em Jesus Cristo Superstar

Barry Dennen tinha 79 anos e faleceu em consequência de uma queda em sua residência. #Memória Cinematográfica #Hollywood