Embora o governo não aplique provas nem exija licenças para permitir que alguém possa ser pai ou mãe, a verdade é que nem todo mundo está em condições de exercer bem a paternidade logo de cara. Alguns, com o passar do tempo, se adaptam ao papel, outros não ficam nunca à altura da missão.

Se não se pode esperar dos papais, especialmente dos menos experientes, que saibam tudo (para lembrar aquela bela série americana Papai Sabe Tudo, que idealizava a figura paterna), algumas práticas deveriam ter sido impedidas pelo simples senso comum. Bom, como dizem, o senso comum é o menos comum dos sensos – pelo menos, nos casos desses pais, nenhum dos quais é forte candidato ao prêmio de Pai do Ano – isso é verdade.

1 - Já seria temerário subir em um carrinho de bebê vazio, mas o que faz um homem subir em um carrinho com um bebê, presumivelmente dele, instalado?

2 - Bom, ser largado em um cestinho em um rio deu supercerto para Moisés, não é verdade? Quem sabe se esse garoto não vai crescer para libertar um povo e ser protagonista de uma novela da Record? Espera-se apenas que ele não se mexa muito.

3 - Bom, em defesa dela, é bom dizer que computador fica aquecendo demais e fica aquela sensação incomoda. Com o bebê por baixo o problema está resolvido.

4 - Bom, é mais prático do que ficar carregando aquele peso para tudo que é lado.

5 - O objetivo dele, conseguir a melhor vista possível para o filhinho é até digna de respeito, mas erguer uma criança sobre o enorme vazio que leva a um gigantesco corpo de água é uma daquelas pessoas que a maioria dos pais (e a maioria do resto da humanidade, na verdade) consegue sem muito esforço reconhecer como algo que não deve ser feito.

6 - Bom, queriam o quê? Que ele largasse o filho sem supervisão em algum canto enquanto ele malha? Um pai responsável nunca faria isso. Além do quê, só porque acontecem acidentes com halterofilistas profissionais, que se machucam com os pesos, não quer dizer que um halter, mais cedo ou mais tarde, vá esmagar a cabeça do filhinho dele. Não vai ser necessariamente a cabeça.

#humor #Curiosidade #imagens