Quase como se duas sociedades completamente diferentes tivessem se desenvolvido lado a lado sem interferir nos costumes uma da outra. Fascinante.

Seja verdade ou não esta história de que Homens São de Marte, Mulheres São de Vênus (título do best-seller do americano John Gray, que vendeu mais de 50 milhões de exemplares desde sua publicação em 1992), há algumas diferenças óbvias entre o comportamento do homem médio e o da mulher média, e uma das mais evidentes é a diferença entre como mulheres se relacionam com suas “migas” e como os homens se relacionam com seus “chegados”, especialmente quando se trata dos (das) melhores amigos (as).

Ambos sexos concordam que “amigo é coisa para se guardar/Debaixo de sete chaves/Dentro do coração”, mas os jeitos de conservar as amizades, vivê-las e mantê-las vivas não poderiam ser mais diferentes do que são.

1 - Já virou piada, amplamente explorada em seriados, filmes e conteúdo de Internet, que as mulheres vão em bando ao banheiro como se suas necessidades fisiológicas fossem sincronizadas com a precisão de um relógio atômico suíço. Na verdade, mulheres tendem a ser mais gregárias e fazer tudo (ou quase tudo) juntas, por isso não é incomum passar por (e tentar desviar de) bandos migratórios de mulheres nos shopping centers, lojas, supermercados, corredores de universidades e calçadas. Geralmente, materializam-se na frente de um homem que está sozinho e cheio de pressa.

2 - Uma mulher vai consolar a melhor amiga, um homem vai dar uma solução ao melhor amigo (nem sempre a solução certa, infelizmente). Uma mulher vai dizer como se sentir (bem), um homem vai dizer o que fazer (o que ele acha necessário).

3 - Quando uma mulher pede um conselho a outra, ela geralmente quer (e recebe) uma resposta simples para uma questão de escopo limitado, do tipo “sim ou não?”, “isto ou aquilo?”. Homens estão prontos a transformar qualquer questão em uma discussão sobre quantos anjos podem se equilibrar na cabeça de um alfinete, cheia de hipóteses e suposições.

4 - Melhores amigos atravessam a tempestade juntos. Mulheres geralmente tem um conselho sobre como ajustar melhor a capa ou segurar o guarda-chuva. Homens simplesmente gostam da sensação de chuva e vento na cara... tanto deles como dos amigos.

5 - Um homem perde o amigo antes de perder a piada (e se o amigo em questão é um homem, geralmente não perde porque “chumbo trocado não dói”). Uma mulher costuma perder piadas para não perder amigos – e isso é mais verdade ainda quando lida com outra mulher.

6 - O jeito de se vestir é um jeito de exercitar a individualidade -- usando roupas produzidas em massa. Mulheres detestam encontrar “imitadoras” (mesmo que elas tenham tido a mesma ideia ao mesmo tempo ou até antes) roubando seu look por perto – mesmo que seja a melhor amiga, nesse caso, até parece uma traiçãozinha. Homens consideram roupas iguais como uniforme de uma sociedade exclusiva – afinal, “grandes mentes pensam igual”.

7 - Com raras exceções, não peça a um homem conselhos sobre roupas, não importa o quanto você goste dele. Não é preciso dizer mais nada sobre o assunto.

8 - Mulheres se tornam amigas porque se dão bem uma com a outra. Homens se dão bem porque são amigos, e a amizade masculina é uma complicada tapeçaria de piadas, brigas, discussões, disputas e celebrações.

9 - Uma mulher vai dizer a uma amiga o que ela precisa ouvir para levantar, sacudir a poeira e dar a volta por cima. Um homem vai dizer ao amigo o que ele precisa saber para entender que ele está “embaixo” e quer voltar para “cima”.

#humor #Curiosidade #imagens