De acordo com estudos, para algumas pessoas o #sexo é mais prazeroso e ativo quando o dia está mais bonito e quente. Sendo assim, para elas há uma maior excitação, e a relação sexual se torna mais prazerosa e ativa, devido ao aumento do libido.

Segundo as conclusões do estudo, as pessoas tendem a ter mais relações sexuais no verão do que no inverno, devido ao fato de que, em estações mais quentes, o biorritmo do organismo humano é alterado. Isso acontece porque a temperatura mais elevada e a presença prolongada da luz solar nos dias mais longos do verão, contribuem para redução dos níveis de estresse e aumentam a produção dos hormônios e do prazer.

No verão, o sol forte ativa a produção de oxitocina, além de estimular a hipófise, liberando mais hormônios sexuais, contribuindo para que os homens se sintam mais viris e percebam seus desejos sexuais elevados. Confira abaixo dados relacionados ao clima quente na vida sexual, e os meses de maior número de nascimento de bebês no Brasil.

Clima de descontração e relaxamento

O clima de descontração do verão gera um relaxamento extra e também contribui para que os desejos se elevem e haja mais interação entre as pessoas, principalmente durante os períodos de férias, que diminuem a ansiedade, e de festas, a exemplo do carnaval, quando os carnavalescos se sentem mais soltos.

Número de nascimentos

Um estudo realizado pelo SINASC (Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos), revelou que o período entre março e maio são as datas nas quais nascem mais bebês no Brasil, ou seja, período que marca o final do verão e início do inverno. Estes nascimentos são frutos das concepções geradas entre o meses de junho e agosto, que marcam o final do outono e início do inverno.

O segundo mês com mais nascimentos é setembro, que simboliza concepções geradas no mês de dezembro, quando há as festas de fim de ano, como natal e reveillon. Já o período marcado pelo menor número de nascimentos é entre o período de outubro a dezembro, que marcam as concepções adquiridas durante o período de janeiro à março, pico da estação do verão.

Mas se é no verão quando as pessoas mais transam, porque os nascimentos não simbolizam isto? A resposta gerada pelo estudo diz que, embora o período seja mais propício e que de fato haja mais sexo, o que de fato ocorre, é que no verão, as pessoas mesmo que inconscientemente, tem essa noção de que praticarão mais sexo, e devido a isso se protegem mais, se precavendo com recursos contraceptivos, principalmente em épocas como carnaval, micaretas e outras, quando há por meio de diversos veículos de comunicação, campanhas que induzem à essa precaução. #Curiosidade #Comportamento