Você comprou algo nessa Black Friday ou conhece alguém que comprou algo? Certamente que sim, os brasileiros ficam eufóricos nessa época do ano e mais ainda com essa palavra #Black Friday. Acompanhando a euforia de compras dos americanos, importaram a ideia da última sexta-feira do mês de novembro ser conhecida como o dia da compra também no Brasil. E mesmo em plena recessão, os brasileiros mostram que qualquer desconto é o necessário para algumas compras dispensáveis ou indispensáveis para o momento.

A grande procura é mesmo os produtos eletrônicos como celulares, computadores e tablets, se aproveitando do recebimento do tão desejado por todos, o famoso 13 salário. Mas será que esses descontos são tão atraentes mesmo? Em uma rápida passada por qualquer shopping da cidade podemos ver uma grande quantidade de pessoas pesquisando, pechinchando e, até mesmo, surpresos com o valor dos produtos.

Mas a quantidade de descontos em produtos aplicados aqui no Brasil nem chega perto da loucura que são as compras nos EUA, onde consumidores costumam acampar em frente as lojas esperando ansiosamente a abertura das portas em plena madrugada para a loucura dessa corrida comercial. Mas será que um dia chegaremos a esse nível? Se depender desse ano de 2016 podemos dizer que sim, os lojistas, varejistas aprenderam com o tempo que o consumidor não pode ser mais enganado, e o preço a se pagar é alto, sendo perdido a confiança durante o ano todo.

A fiscalização com os preços está maior, a participação de sites fiscalizando ajuda todo esse processo. E quem ganha com tudo isso somos nós consumidores, para poder aproveitar esse “dia”. Mas como no Brasil uma regra não é exceção, os lojistas resolveram esticar essas promoções e fazer o fim de semana Black, e do jeito que vamos caminhando futuramente será um mês. Por que não?

E nesses tempos de crise só nos resta pesquisar, procurar, pedir desconto e assim consumir, aprendemos a reconhecer esse dia que já está no nosso calendário anual, e vamos assim aproveitando ano a ano. E boa sorte nas compras!