A maioria das mulheres costuma sofrer com as tão temidas com cólicas menstruais todos os meses, também conhecida por dismenorreia. É um sintoma bastante comum que acompanha a menstruação, junto com a TPM (tensão pré-menstrual). Além das dores fortes na barriga as cólicas podem causar mal-estar suportáveis em alguns casos e em outros insuportáveis ao ponto da mulher recorrer a remédios caseiros ou ainda, remédios laboratoriais que podem aliviar momentaneamente a dor. Esse período costuma ser um tormento para as mulheres, pois com os hormônios em alta as mudanças de humor podem ocorrer a todo instante. E isso, com certeza, não é nada agradável para elas e nem para aquelas pessoas que convivem com elas, afinal quando uma mulher está nesse período fica bem visível devido a tamanha irritação.

Algumas mulheres quando consomem chocolate durante esse período se sentem mais aliviadas das temidas cólicas, isso porque o chocolate pode diminuir a ansiedade e, consequentemente, a dor, mesmo que seja uma medida até então temporária o chocolate é capaz de amenizar os sintomas inclusive da TPM. Muito melhor do que ter que recorrer a remédios não é mesmo?

Mas, um suíço especialista na criação de chocolates acabou de criar algo espetacular, o famoso “Frauenmond”, que em português significa “lua das mulheres”, essa invenção promete acabar definitivamente com as cólicas, ou seja, basta consumir uma pequena quantidade por dia que a dor vai embora.

Marc Wudmer é o responsável por essa maravilha, o chocolate é composto por cerca de 60% de cacau e 17 ervas de origem Suíça que são eficazes contra as tão temidas dores no abdômen.

Segundo Marc, “Nós pensamos em tornar os dias em que a mulher fica menstruada mais agradáveis e confortáveis”. Relatou o chocolatier ao jornal suíço 20 Minuten.

Infelizmente, esse chocolate ainda não está disponível em todos os países, apenas na Suíça. Mas, sem sombra de dúvidas que todas as mulheres aguardam ansiosamente para poder saborear essa delícia e ainda se livrar das terríveis cólicas não é mesmo? #Comportamento #Saúde