Ser solteiro(a) tem suas vantagens e desvantagens. Algumas vezes, as desvantagens acabam se sobrepondo às vantagens, pois só os #solteiros terão que escutar em todas as reuniões, seja de família ou de amigos, algumas perguntas chatas sobre a vida pessoal e sobre o porquê de estarem sozinhos. Algumas pessoas não entendem que todos podem ser felizes sozinhos, que não precisam de um(a) namorado(a) para estarem bem, e, por isso, vivem fazendo perguntas um tanto quanto inconvenientes. Veja quais são as perguntas que todo solteiro já ouviu, e, cá entre nós, incomodam muito, principalmente quanto passam a ser ouvidas repetidamente.

“Nossa, por que ainda está solteiro(a)? É uma pessoa tão agradável”.

Isso irrita muito, afinal, é como se a pessoa te dissesse que pessoas não tão agradáveis ao ver dela irão ficar sempre sozinhas, e sempre dá vontade de revirar os olhos e dizer: porque eu quero!

“Não precisa ter pressa, um dia irá acontecer”.

O que pensamos em responder: eu não tenho pressa, mas parece que você tem.

“Não é muita solidão?”

O que dá vontade de dizer: não, eu tenho a melhor companhia do mundo, a minha.

“Mas você tem alguém para sair às vezes, né? Só não é assumido”.

O que dá vontade de responder: não há ninguém melhor para sair do que amigos e eu mesmo(a), e eu sempre os assumo.

“Tem muita gente interessante por aí, um dia você encontrará alguém”.

O que dá vontade de responder: mas eu não estou procurando ninguém

“Talvez o problema esteja em você, que acaba exigindo muito”.

Diante disso não há nada a ser dito, só resta revirar os olhos e respirar bem fundo para que se mantenha a calma.

“Você precisa pegar alguns buquês em casamentos, fazer algumas simpatias ou então fazer uma promessa”.

O que pensamos em dizer: eu preciso mesmo é parar de ouvir essas coisas.

“Você precisa sair para conhecer alguém”.

O que dá vontade de responder: eu preciso sair apenas para me divertir, seja solteiro(a) ou não.

“Conheço alguém perfeito para você, deixe-me te apresentar a ele(a)”.

O que dá vontade de responder: obrigado(a), mas não preciso, pois sei me virar muito bem.

Uma pena que quase nunca se pode dizer aquilo que se tem vontade, portanto, a única coisa que resta a ser feita é respirar fundo, manter a calma e tentar ser educado(a). E, se, por acaso, você é uma pessoa que sempre faz uma dessas perguntas para alguém, saiba que você é desagradável e que precisa parar com isso o mais rápido possível. #Curiosidades