Alguns cogumelos podem oferecer vários efeitos um tanto quanto peculiares para o nosso organismo, alucinações e até graves intoxicações. Porém, não imaginávamos que essa plantinha também poderia nos oferecer efeitos afrodisíacos, causando um aumento no apetite sexual, estimulando a excitação, principalmente em mulheres, antes do ato sexual.

Estudiosos encontraram um cogumelo que faz com que a mulher conquiste orgasmos espontâneos somente com o cheiro da planta. O estudo foi divulgado pelo Internacional Journal of Medicinal Mushrooms, comprovando os efeitos oferecidos pelo cogumelo da espécie Dictyophora, que foi encontrado em uma ilha havaiana.

A #pesquisa foi conduzida por Noah Soule e John C. Holiday. Nela eles descrevem as propriedades afrodisíacas contidas na planta. O estudo contou com 36 voluntários – 16 mulheres e 20 homens – que cheiraram o cogumelo misterioso por várias vezes. Os pesquisadores comprovaram que as 16 mulheres apresentaram reações em maior ou menor grau ao serem expostas ao fungo. Seis das voluntárias que participaram da pesquisa revelaram que tiveram orgasmos leves após o contato com o cogumelo, enquanto as outras dez que receberam doses menores apresentaram somente um rápido aumento em sua frequência cardíaca.

A conclusão foi que esses efeitos podem estar associados aos compostos presentes no cogumelo, parecidos a hormônios, e que teriam propriedades bem parecidas aos neurotransmissores que são automaticamente liberados durante o prazer. Já os homens, só reclamaram do cheiro ruim que o cogumelo apresenta, provando que a planta não oferece sensações afrodisíacas para eles.

Os estudiosos explicam que existe a possibilidade de que as mulheres que participaram do estudo podem ter sido influenciadas pela fama que o cogumelo carrega. Por isso, as reações que elas relataram poderiam ter partido de seu psicológico.

O cogumelo é facilmente encontrado nas regiões tropicais das Américas, Austrália, África e sul da Ásia. Há alguns registros que afirmam que a planta era utilizada na medicina desde o século 7 em mulheres que sofriam com a falta de desejo sexual. #Dicas #Curiosidades