O caso teria ocorrido em meados da década de 60. Um homem, identificado como Angus Barbieri, resolveu seguir à risca uma dieta prescrita pelo endocrinologista Willian K. Stewart. Em 1973 Stewart redigiu um relatório descrevendo que seu paciente havia perdido 125kg devido ao regime imposto por ele. Outro fato que chama a atenção é que o homem ia ao banheiro uma vez por mês. Na época o relatório do especialista deixou a comunidade científica perplexa. Até hoje a maioria dos especialistas discorda sobre a veracidade dessas informações. De acordo com Krista Varady, pesquisadora da Universidade de Illinois, o suposto relatório viola qualquer diretriz sobre a prática de jejuns extremos, que são considerados arriscados para o bem estar dos pacientes.

História

Os especialistas explicam que o jejum veio de uma tradição islâmica pertencente ao Ramadã. No mundo ocidental a prática do jejum foi desenvolvida pelo personal trainer Bernard Macfadden, em 1920. Na época Macfadden era considerado uma celebridade no mundo fitness, responsável por aperfeiçoar a técnica do jejum para perda de peso. Ele também era responsável por fazer com que as pessoas realizassem treinos físicos com frequência, além de condenar o consumo de pão e demonstrar-se contrário ao uso do tabaco. Ao observar o jejum nos animais, ele chegou à conclusão de que o ato de jejuar poderia curar qualquer tipo de doença. Também há uma série de evidênciais comprovando que o ato de jejuar estaria ligado a uma forma do organismo processar a autofagia, condição responsável por desenvolver o hormônio denominado BDNF, que também é responsável pela formação das células do cérebro.

Para desenvolver o hormônio os especialistas sugerem que os pacientes permaneçam por três a quatro dias em jejum. Nos outros dias os pacientes têm permissão para comer o que bem entenderem. A pesquisa comprovou que o jejum pode auxiliar na redução de peso. Mas os pesquisadores ainda pretendem descobrir até que ponto a pratica pode ser considerada saudável. #Entretenimento #Curiosidades #Emagrecimento