#Casamento é para sempre. Bem, supostamente deveria ser para sempre, mas para sempre é muito tempo, não é?

Quando você compartilha sua #vida com alguém por um longo tempo, é inevitável começar a explorar outras possibilidades em sua cabeça. Por exemplo, você leu sobre "polyamory" e #Relacionamento aberto e acha que, "Talvez devesse tentar".

Há muitas coisas que podem acabar com um casamento, mas aqui estão quatro dos maiores problemas que realmente podem desafiar os limites de seu relacionamento monogâmico.

1) Seu ego

Quando você está em um relacionamento por um longo tempo, seu parceiro, gradualmente, aprende a pressionar todos os botões.

Publicidade
Publicidade

Ele sabe o que faz você ficar com raiva, o que te deixa triste, e o que te faz duvidar completamente da sua própria autoestima. Assim, se você passou recentemente, por uma fase difícil em seu casamento, provavelmente sua autoestima estará muito baixa.

É exatamente nesse estado emocional que tantas pessoas casadas decidem trair seus cônjuges. As brigas ferem tanto o seu ego, que seu ele quer uma “vingancinha”. A desculpa que sua mente arruma é que você precisa encontrar alguém que reconheça seu valor e que lhe queira.

2) O tédio

Muitas pessoas mistificam o casamento. Pensam no casamento como uma instituição mágica que vai encher a vida de significado e felicidade. E, em seguida, as pessoas casam-se e percebem algo chocante: o casamento não vai mudar a sua vida.

Muitas pessoas entram no casamento pensando que vai ser uma grande aventura e, em vez disso, eles encontram uma vida rotineira.

Publicidade

Esta desilusão, muitas vezes, transforma-se em tédio, e as pessoas vão buscar fora do casamento "aquela sensação" que o casamento deveria fornecer.

A chave para combater a sensação de tédio é ter expectativas realistas sobre o casamento. É uma relação, pura e simples. Essa relação vai ter felicidade e emoção à medida que você se movimenta nessa direção, com os pés no chão. Então, a culpa não é do seu casamento. A falha está em você.

3) "Eu mereço isso"

"Meu parceiro não me dá tudo o que eu quero, então preciso buscar em outro lugar, porque eu mereço isso!"

Se o seu casamento não está como você gostaria, resolva-se com o seu cônjuge. Mas se você estiver usando o "eu mereço isso!" para justificar pular a cerca, nada tem a ver com merecimento. Isso é puro egoísmo.

4) Problemas com o corpo

Envelhecemos e nossos corpos dão sinais disso. Então é fácil sentir-se inseguro sobre seu peitoral ou a calvície. E o problema é que, quando você está casado com alguém, você está tão acostumado a vê-lo todos os dias que você pode esquecer-se de dizer que o acha atraente.

Publicidade

Isso se torna um problema quando seu cônjuge encontra alguém fora do casamento, que imediatamente se desmancha em elogios: "Você é tão bonito", "meu Deus, como você é sexy", "você está fantástico hoje".

E, de repente, aquela pessoa que faz elogios começa a parecer tão interessante!

Se você está se sentindo desinteressante, fale com seu parceiro sobre isso. Se você percebe que o seu cônjuge não está se sentindo particularmente sexy, faça um elogio espontâneo. Deixe-o saber que você ainda acha-o uma pessoa atraente. (E, se não achar, talvez o seu casamento tenha mais problemas do que você pensava).

Dialogue sobre estas questões e certifique-se de que elas não interfiram no casamento que vocês levaram tanto tempo para construir juntos. Porque, sim, às vezes, você (ou ele) vai encontrar alguém maravilhoso na academia. Esteja preparada para lidar com isso.