Os testes de personalidade sempre existiram para revelar um pouco mais sobre como um indivíduo pode agir. Mas em algum momento da sua vida você chegou a imaginar que o famoso "joinha", o hábito de levantar seu polegar para indicar um sinal de "positivo" para alguém ou alguma coisa, pode revelar um pouco mais da sua personalidade?

Existe uma teoria publicada pelo site Twenty Two Words que afirma que a forma como seu polegar fica ereto para cima ao fazer o gesto "joinha" pode ajudar as pessoas a conhecerem melhor alguns traços da sua própria personalidade, e o formato do polegar, seja totalmente reto ou um pouco torto, define dois jeitos de como o indivíduo pode ver o mundo.

Publicidade
Publicidade

Interessante, não é mesmo?

Pensando nisso, reunimos abaixo as duas formas possíveis de fazer o gesto "joinha", e o que elas podem revelar sobre você. Acompanhe e confira:

1 - Formato do dedo: Polegar reto

Quando costuma fazer um "joinha" para alguma pessoa, você tem o hábito de levantar seu polegar totalmente para cima de um modo que seu dedo fique totalmente ereto?

Esse sinal pode indicar que você é uma pessoa extremamente discreta e séria. Pessoas assim, costumam ser muito analíticas, possuem um ar um pouco misterioso e ainda são bem criativos.

Pessoas que fazem o gesto dessa forma, costumam ser mais quietas, são pessoas do tipo que você pode contar qualquer segredo que ele estará guardado a sete chaves.

Publicidade

Essas pessoas não costumam dividir com outras o que pensam, são extremamente reservados.

2 - Formato do dedo: Polegar torto

Pessoas que costumam fazer o "joinha" e apresentam seu polegar torto, ou seja, com uma pequena curvinha no dedo, são indivíduos que costumam ser bem mais expressivos do que os outros. É o tipo de pessoa que adora entrar em uma discussão para expor seus pensamentos e ideias.

Por serem muito expressivos, costumam ser muito simpáticos e sociáveis. Não são nem um pouco reservados como aqueles que possuem o "joinha" totalmente reto e, justamente por isso, tendem a cativar todos ao seu redor. #Curiosidades #Comportamento