Diane Guilmette é moradora de Los Angeles, EUA, e compartilhou com os telespectadores do canal de TV CBS uma experiência traumática ao sair para jantar com um pretendente. O homem a convidou para jantar em um restaurante de luxo e, assim que comeu, fugiu sem pagar a conta.

Solteira, Diane resolveu se aventurar em um site de relacionamentos para conseguir um namorado, porém, não poderia imaginar que seria vítima de um terrível golpe. Ela foi convidada por um homem que se apresentava pelo nome Paul Gonzales para jantarem juntos em um restaurante de luxo de Los Angeles. Diana não desconfiou do convite, uma vez que o homem parecia ser de boa índole e dizia ser policial.

Publicidade
Publicidade

Durante o jantar, tudo ia muito bem. Em meio a comidas e bebidas requintadas, eles falavam de suas vidas e de alguns planos futuros. Porém, assim que terminaram o jantar, o “policial” disse que precisava fazer uma ligação urgente e que voltaria em seguida.

O tempo passou e o homem não voltou à mesa. Após quinze minutos de espera, Diane percebeu que foi vítima de um golpe e tentou se contatar com o homem pelo aplicativo que se conheceram, porém, sem sucesso. O homem já havia bloqueado o perfil de Diana. A conta do restaurante ficou em aproximadamente R$ 560,00 e ela teve que pagar sozinha.

Ao falar sobre o golpe no canal de televisão e nas redes sociais, ela viu que não foi a única vítima do homem. Outras mulheres também se apresentaram dizendo que também foram vítimas do mesmo golpe. Uma delas contou que foi obrigada a pagar o valor de R$ 300,00 em um restaurante após ser enganada por Gonzales.

Publicidade

“Ele disse que ia ao banheiro, mas nunca mais voltou”.

A intenção de Diane ao contar sobre o golpe é para que outras pessoas não sejam vítimas do falsário. A vítima diz que continuará usando o aplicativo, porém, tomará mais cuidado ao marcar novos encontros. Os policiais que atenderam o caso consultaram o histórico policial do autor e foi averiguado que ele responde a dois processos: um corte de cabelo que não foi pago e roubo. #Curiosidade #vitima