Atendendo a vários pedidos da pessoas que nos seguem, fizemos uma coleção com os brinquedos, brincadeiras e outras coisas que mais marcaram suas infância. Vão desde bonecas à jogos de vídeo-game, brinquedos que mais foram vendidos para as crianças que vão desde carrinhos, bonecas, jogos de tabuleiro, castelos, fuxicos, ténis, patins e skates, acessórios, discos musicais, confira na nossa galeria as fotos de alguns brinquedos que separamos para vocês. Confira agora as 10 coisas que mais foram marcantes na nossa infância.

10 - Pique-pega, pique-esconde, pique-alto

Qual criança nunca brincou de pique? ou pega-pega? Isso foi uma das brincadeiras mais divertidas e com certeza merece estar aqui no top 10.

Publicidade
Publicidade

O melhor era o pique-esconde, onde uma criança contava enquanto o restante se escondia, e depois ela tinha que achar todos; o que mais era odiado na brincadeira era o "1, 2, 3, salve todos".

9 - Amarelinha

A parte mais difícil era chegar até o "céu". Deveria ser feito a travessia em um só pé, sem pisar nas linhas, as ruas ficavam lotadas de crianças pulando amarelinha.

8 - Queimada

A queimada era uma das brincadeiras mais tradicionais. O intuito da brincadeira era separar a galerinha em dois grupos, traçar uma linha dividindo-os, e sorteando quem devia começar a atirar a bola. Todos que fosse acertados estariam queimados, ou seja, eliminados da brincadeira.

7 - Bobinho

É uma brincadeira com uma bola, onde os jogadores vão jogando a bola um para o outro; o objetivo do bobinho é roubar a bola.

Publicidade

6 - Carrinho de Rolimã

Eram carrinhos construídos com madeira e rolamentos de aço ou rodinhas de carrinho de bebê. Feito os carrinhos, eles disputavam corridas ou usavam para diversão mesmo.

5 - Bolinhas de Gude

Uma pequena bola de vidro maciço. O objetivo era acertar a bolinha do seu adversário. Tinha também o "triângulo", onde cada jogador apostava uma quantidade de bolinhas, onde o objetivo era retirar o maior número de bolinhas de dentro do triângulo sem ficar com seu gude preso lá dentro.

4 - Casinha

Quem nunca brincou de casinha? O objetivo da brincadeira era fingir ser "adulto" e fazer comida, limpar casa, cuidar dos filhos, lavar roupa, cuidar da casa. Era tudo feito sem nenhuma maldade; era uma das brincadeiras mais feitas pelas crianças.

3 - Peteca

Quem nunca jogou peteca? Um esporte com origem indígena, acabou ficando bastante popular entre as crianças de adolescentes, onde o objetivo era tacar a peteca com as mãos sem deixar cair.

2 - Telefone sem fio

O telefone sem fio era uma brincadeira em que as crianças ficavam lado a lado; a primeira falava um frase para uma pessoa, e ela deveria repassar essa frase para o próximo e assim em diante.

Publicidade

No final o último deveria reproduzir a frase sem nenhum erro. Muitas vezes as frases chegavam no final muito distorcidas.

1 - Bafo ou Tazos

Tazos eram discos colecionáveis; o bafo era a disputa para ganhar tazos. Onde eram apostados os tazos, a pessoa tentava virá-lo com as mãos, fazendo um "bafo", batendo a palma da mão nos tazos. #nostalgia #Entretenimento #Curiosidades