De acordo com alguns especialistas, dentre eles a psiquiatra, escritora e estudiosa criminal, Ana Beatriz Barbosa Silva, a cada 25 pessoas, uma é psicopata em maior ou menor grau.

Alguns passam a vida toda sem cometer nenhum #Crime qualificável, mas são capazes. A psicopatia é uma disfunção e não há cura para ela. A discussão entre médicos é: o meio pode produzir um psicopata ou ele já nasce carregando esse gene? De todas as linhas de pesquisa, a que mais se destaca é a de que todo psicopata nasce com a predisposição, mas o ambiente se encarrega de fazê-la mais ou menos aparente.

Independente da resposta, é preciso conhecê-los (e aos seus truques), para sair ileso, uma vez que as chances de se deparar com um deles durante nossa caminhada é bem grande!

O assunto não é extremamente difundido aqui no Brasil, mas eles não escolhem região para nascer.

Publicidade
Publicidade

Algumas características

  • Sente-se superior aos outros;
  • Possui charme (em maior ou menor grau e usa-o para alcançar suas metas)
  • É um mentiroso compulsivo.
  • Ausência de empatia (a empatia é a capacidade de conectar-se com o outro e sentir sua dor). Os psicopatas passam por cima de todo mundo porque a única coisa para ele, que realmente importa, é ele mesmo.
  • Ausência de moral e ética
  • Inabilidade no tocante a seguir regras e receber ordens
  • Egoísta e egocêntrico
  • Parasitas (muitos vivem dos rendimentos e sentimentos de outras pessoas)

Diferença entre psicopata e serial killer

Serial killer é uma palavra em inglês que significa matador em série.

Um psicopata pode viver a vida toda sem tirar nenhuma vida, diretamente. Digo "diretamente" porque, por vezes, o faz de maneira indireta.

É possível que você já tenha namorado um ou que já tenha trabalhado com um.

Publicidade

Ele pode parecer extremamente afável e amigo, mas se ele precisar "puxar o seu tapete" não pensará duas vezes.

Um serial killer pode ser um psicopata, mas um psicopata não necessariamente é um serial killer.

Como reconhecê-los

Sabendo das características acima e analisando situações do cotidiano, pode-se reconhecê-los. Isso não significa que vamos sair por aí analisando, julgando e rotulando, mas estar esperto o bastante para não cair nas redes que os psicopatas tecem, é bastante prudente.

Outra informação importante é que justamente por possuir as características acima, muitos deles acabam por dirigir grandes empresas e chefiar grandes negócios.

É muito possível que se você olhar para seu passado agora, vai se lembrar de alguém com algumas das características acima. Da mesma forma, é bom salientar que, não é porque uma pessoa possui uma das características acima que é um psicopata. Deve-se analisar "o conjunto da obra".

E então? Sente-se mais capaz de reconhecê-los depois desse artigo.

Deixe seus comentários. #Curiosidade #Doença