Muitos sonham em ficar com a pessoa amada e viver junto a ela o resto da vida, uma pessoa especial com o qual pretendem compartilhar os momentos bons e ruins da vida. Mas, infelizmente, para algumas pessoas o amor parece simplesmente não acontecer, deixando-as em um estado de solidão.

Se está cansado de ser solteiro, a ciência pode fazê-lo mudar de ideia com pesquisas recentes que comprovam que não ter um #Relacionamento estável é mais vantajoso para sua saúde física e mental, além da liberdade que se tem para fazer aquilo que tem vontade, quando e onde quiser.

Estudos revelaram benefícios incríveis que fazem dos solteiros seres mais felizes.

Solteiros têm mais convivência com seus parentes e amigos

Um estudo realizado na Universidade de Massachusetts, feita por Naomi Gerstel, concluiu que casados tendem a manter menos contato com parentes e amigos, deixando de ajudá-los e de serem ajudados pelos mesmos. Revelou também que essa tendência de se afastar pode aumentar em casais com filhos pelo fato de que cuidar de crianças demandaria mais tempo e atenção do casal.

Noites de sono dos solteiros são melhores

Apesar de ser muito bom dormir coladinho e da sensação de segurança que é passada pelo seu parceiro, um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Nebraska concluiu que um casal formado por um indivíduo que prefere a noite e o outro o dia pode atrapalhar na qualidade do sono, na frequência sexual e até na quantidade de conversa entre os dois. Nesse estudo, para entender a sincronia do sono, foram avaliados 150 casais.

Solteiros praticam mais exercícios que casados

Casados tendem a relaxar quanto a exercícios físicos por causa das responsabilidades com filhos, trabalho ou também por já estarem com a pessoa desejada e não sentirem necessidade de impressionar ninguém. Já pessoas solteiras cuidam mais de si mesmas com exercícios, dietas, etc. Estão sempre preocupadas com a aparência. focando também em impressionar futuros parceiros.

Um estudo realizado pelo departamento de saúde do Reino Unido foi feito para descobrir se os britânicos faziam uma quantidade de exercícios físicos recomendada pela OMS. Concluído o estudo, os resultados foram publicados pelo jornal Telegraph e mostraram que pessoas casadas faziam muito menos atividades físicas que as solteiras.

Os dados publicados mostraram que 27% dos britânicos faziam as atividades recomendadas, e 76% dos homens e 63% das mulheres que não cumpriam a quantidade de exercícios semanais, considerada ideal para manter uma vida saudável, eram casados. #Viral