Se tem algo comum hoje em dia, é a utilização da medicina para fins estéticos. Antigamente a cirurgia plástica costumava servir para reparar danos em pessoas que sofreram acidentes e acabaram de alguma forma desconfiguradas.

Claro que essa técnica inovadora seria explorada para outros fins. A cada novo ano que entra, a popularização desse tipo de procedimento cirúrgico só aumenta. Muita gente decide colocar silicone para aumentar o volume dos seios, ou fazer uma simples lipoaspiração para tirar a 'gordurinha' extra presente no abdômen. Mas você sabia alguma dessas operações são extremamente perigosas? Selecionamos algumas que você deve tentar evitar, caso queira modificar algo em seu corpo.

Publicidade
Publicidade

Confira

1. Encurtar ou alongar os dedos dos pés

A popular cirurgia 'cinderela', é um procedimento que gera muita polêmica pelo que faz. É caracterizada por fazer alterações no tamanho ou na forma dos dedos dos pés. Esse tipo modificação vem ganhando espaço nos Estados Unidos.

2. Troca de sexo

A cirurgia voltada para alterar o sexo é cada vez mais popular entre a população que se denota como transexual. Pessoas que não sentem que pertencem ao corpo que possuem, e por isso buscam mudar seus órgãos genitais. O SUS só realiza essa operação quando é do órgão sexual masculino para o feminino. Como se trata de uma mudança super radical, envolvendo órgãos muito complexos, o risco para esse tipo de procedimento também é alto.

3. Cirurgia para aumentar o órgão sexual masculino

O procedimento que visa aumentar em comprimento ou diâmetro do órgão sexual dos homens, pode ter grandes consequências.

Publicidade

Mesmo sendo uma cirurgia considerada rápida, é classificada como complicada. Existem perigos latentes de infecções e cicatrizes permanentes após a operação.

4. Trocar a cor dos olhos

A cidade do Panamá é conhecida por atrair pessoas do mundo todo que buscam mudar a cor dos olhos. A cirurgia envolve diversos riscos como por exemplo, o da cegueira.

5. Retirada da costela

Esse último procedimento cirúrgico que vamos citar vem ganhando dimensão em vários países e as famosas 'barbies humanas' costumam utilizar. O corpo humano possui exatamente 12 pares de costelas que tem como parte de suas funções, proteger importantes órgãos como pulmões, fígado, coração e baço. Quando alguém procura um médico para retirar algumas costelas e por consequência, afinar a cintura, se submete à diversos riscos que vão desde uma perfuração no abdômen até uma alteração irreversível na estrutura óssea. #Curiosidades #Saúde