Além de prazeroso e ser uma experiência afetiva importante, o #sexo, segundo pesquisas divulgadas recentes, tem efeitos benéficos sobre o organismo. A seguir, alguns dos benefícios fisiológicos das relações sexuais:

1 - A dor é inibida

Segundo o doutor Barry Komisaruk, pesquisador da Universidade Rutgers, o gozo sexual ajuda a inibir a dor. O neurocientista americano afirma que isso se deve à inibição de transmissores de dor da medula espinhal, o que a impede de chegar aos neurônios responsáveis pela sensação de dor.

2 - Os músculos pélvicos são exercitados, o que ajuda a prevenir a incontinência urinária

Segundo o doutor Gillian Vanhegan, o sexo pode ajudar na prevenção da incontinência urinária.

Publicidade
Publicidade

Isso ocorre porque a atividade sexual exercita os músculos da pélvis, responsáveis por controlar a urina, fortalecendo-os.

3 - Aumenta a fertilidade

Segundo o doutor Arun Ghosh, especialista do hospital inglês Spire Liverpool Hospital, quanto mais frequentes as relações sexuais do homem, melhor a qualidade do seu sêmen, mais células novas nele, e maiores chances de a concepção acontecer. Segundo o professional médico, o tamanho do órgão sexual masculino, apesar do que pensam os leigos, não faz diferença para a fertilidade.

4 - Ajuda a prevenir o câncer de próstata

Estudo da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, concluiu que homens com uma vida sexual ativa aos cinquenta anos de idade são menos propensos ao câncer de próstata. Segundo os especialistas, isso acontece porque cada relação sexual limpa a próstata, portanto relações regulares limpam o órgão regularmente, eliminando toxinas que vão se acumulando lá.

Publicidade

5 - Ajuda a cair no sono

Segundo o doutor Ghosh, é uma boa ideia fazer sexo à noite em vez de de manhã porque o corpo procura relaxar depois da relação. No caso do homem, segundo o médico, o gozo sexual pode ter o efeito de três miligramas de diazepam, medicamento comercializado sob o nome Valium entre outros que tem efeito calmante.

6 - Estimula a região do cérebro responsável pela memória

Estudos da Universidade de Princeton concluíram que relações sexuais ajudam a estimular o surgimento de células no hipocampo, região do cérebro que controla o aprendizado e a memória. #coisas