Quem nunca quis fazer parte da realeza algum dia? Imaginar viver em meio a muito luxo, poder e elegância? Os filmes e desenhos da Walt Disney por exemplo, mostram um universo de conto de fadas que é perfeito, no qual as #PRINCESAS vivem, desse modo fazendo todos imaginarem que a melhor coisa deste mundo talvez seja ter "sangue azul". Mas será que este conceito estaria certo?

Desse modo, as pessoas passaram a criar uma fantasia em suas mentes, onde as princesas estão sempre felizes, que fazem sempre tudo o que desejam, que possuem um guarda-roupas dos sonhos, perfeito, com as peças que qualquer mulher do mundo desejaria ter.

Publicidade
Publicidade

Isso sem mencionar as festas frequentadas por elas, que são luxuosas e elegantes.

Mesmo que na imaginação tudo na vida delas seja perfeito e lindo, uma pergunta fica no ar: afinal de contas, será que é tão bom assim ser alguém tão importante e requisitado? Veja as #regras que elas devem obedecer para serem da realeza e verifique se vale a pena mesmo ser uma princesa.

Primeira regra: elas devem ter uma rotina de acordo com os costumes da rainha. Por viverem no mesmo castelo que a rainha, é preciso saber que ela manda em tudo. Ou seja, se ela acabou de comer, você também tem que terminar e isso, sem importar se ainda há comida no prato.

Segunda regra: nada de apelidos. Elas devem se esquecer dos seus apelidos da época de criança quando estiverem usando uma coroa.

Terceira regra: devem esquecer do seu direito de voto.

Publicidade

Uma princesa, assim como toda a sua família, não pode votar, pois é inconstitucional.

Quarta regra: uma princesa não pode, de maneira alguma, concorrer a algum cargo político. Algo que também é, como já era de se imaginar, inconstitucional.

Quinta regra: elas precisam e devem sempre estar impecáveis. São 24 horas usando roupas elegantes, seja qual for a situação ou lugar.

Sexta regra: elas devem ser extremamente caridosas. As princesas devem sempre estar envolvidas em causas humanitárias. Algumas até possuem suas próprias causas para demonstrar o quanto são caridosas.

Sétima regra: uma princesa deve falar muitos idiomas. Há muitas viagens na rotina de uma princesa e a comunicação é essencial. Portanto, é necessário saber falar muitos idiomas para não se envergonhar.

Oitava regra: é proibido jogar monopólio. Segundo um príncipe de York chamado Andrew, que também é um duque, eles são proibidos de jogar Monopólio, porque seria uma competição perversa que pode ser muito viciosa.

Nona regra: princesas não comem marisco. Elas são aconselhadas a não comerem moluscos para evitar possíveis infecções alimentares. E a realeza não tem tempo para se preocupar com isso.

Décima regra: devem esquecer de qualquer emprego ou sonho que tenham tido antes de se tornar uma princesa, pois ser uma princesa é como estar em uma profissão ou realizar um grande sonho. #conto de fadas