Nem sempre as estrelas de Hollywood e cantores #Famosos levam uma vida que seja um bom “exemplo”. Mesmo sendo os queridinhos do público, eles já passaram por situações para lá de constrangedoras. Casos assim não são raridade e constantemente estão em destaque nos noticiários ou revistas de fofocas.

Alguns rostinhos conhecidos abusam de tal maneira que acabam indo para a cadeia. E acredite, nesse momento não há fama que alivie as sentenças, especialmente em casos da Justiça americana.

Justin Bieber

Ele ficou famoso na internet e era um garoto muito meigo, porém, acabou se transformando em uma celebridade-problema. #Justin Bieber dirigiu sob efeito de sugstâncias ilícitas, em 2014, e acabou sendo preso.

Publicidade
Publicidade

E, para demonstrar que ele não estava nem aí, ele sorriu na hora de fazer a foto para sua ficha criminal. Dá para acreditar?

Lindsay Lohan

Ex-cantora e atriz, ela tem um praticamente um álbum completíssimo na polícia americana. Lindsay já tem seis passagens na polícia. Alguns dos crimes cometidos pela estrela são: bater em um caminhão e mentir para a polícia, além desse crime, ela também já roubou um colar em uma joalheria e foi presa por dirigir sob o efeito de substâncias ilícitas, entre outros crimes.

Paris Hilton

Hilton foi presa em 2010, por porte ilegal de cocaína.

Mel Gibson

Gibson foi preso ao ser flagrado dirigindo alcoolizado, em Los Angeles.

Nicolas Cage

Dá para acreditar que, em 2011, o famoso ator #Nicolas Cage foi preso por violência doméstica? Ele agrediu sua esposa durante uma discussão.

Publicidade

Michael Jackson

O astro pop se envolveu em uma polêmica que foi comentada nos tabloides do mundo inteiro. A verdade é que o astro sempre teve uma vida muito polêmica, porém, o maior escândalo de sua vida aconteceu no ano de 2003, quando ele foi preso sob uma gravíssima acusação: abuso infantil.

Entre as acusações contra o cantor estão casos de abuso sexual e pedofilia. Parte da fortuna do astro foi gasta com o pagamento de advogados, acordos judiciais e salários de empregados do rancho “Neverland”, na Califórnia.