Muita gente já sentiu algo muito estranho ao acordar, como se não conseguissem coordenar o próprio corpo. A pessoa diz que sabe que está desperta, que aquilo não é um sonho, mas não consegue mexer um músculo do seu corpo. Você sabe porque isso acontece? Uma possibilidade para esses fenômenos - estranhos para alguns - é a paralisia do sono, um distúrbio neurológico muito comum. Estima-se que pelo menos dois milhões de pessoas tenham essa característica em todo o mundo. A presidente da Associação Brasileira de Medicina do Sono, Dalva Poyares, explicou em uma matéria sobre o assunto, em entrevista ao portal IG, que esse mal, apesar de assustar é bem mais simples do que parece.

Publicidade
Publicidade

Dalva diz que essa incapacidade pode ser rápida, durando poucos segundos, ou mais prolongada, chegando até a durar alguns minutos. Ela revela ainda que uma em cada vinte e cinco pessoas tem algum estágio do problema, o que não chega a significar a doença em si. Como mencionamos, estatísticas estimam que o distúrbio é verificado em dois milhões de pessoas em todo o mundo (que chegam ao estágio de ser considerados doentes pela mudança neurológica). A população mundial, no entanto, é hoje de em média 7 bilhões de pessoas. Matematicamente, usando os números da profissional, chega-se a um número de quase 300 milhões de pessoas que possuem uma interrupção temporária dos movimentos em todo o planeta.

De acordo com a médica, a paralisia começa em uma fase específica do sono, que vem de uma sigla em inglês, a REM, Rapid Eye Movement.

Publicidade

Essa fase dura, em média, duas horas, ou seja, 25% do total de tempo do sono recomendado, que é de oito horas. É nessa fase que ocorrem sonhos complexos. Neles, as pessoas constroem histórias, veem imagens e muitas vezes até se lembram de tudo isso quando acordam. Como o cérebro vive uma realidade paralela, ele acaba provocando no corpo o que é chamado de atonia muscular, que basicamente é relaxar demais o corpo. É por isso que, ao acordar durante essa fase do sono, a pessoa não consegue se mexer.

Veja abaixo um vídeo que explica o que é a paralisia do sono e mostra como ela pode interferir na vida dos pacientes. Você já ouviu relatos como esse? Não esqueça de deixar o seu comentário. Ele é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo.

#Curiosidade