O médico José Bento é ginecologista e obstetra. Ele trabalha diariamente com os mais variados casos envolvendo dúvidas femininas. Em consultoria ao site 'Toda Teen', o especialista falou de um assunto importante para todos, a lavagem da região íntima. Muitas mulheres sempre lavaram o local de maneira errada e nem sabiam. Isso porque, uma parcela importante do público feminino, acaba usando um sabonete comum na hora do banho. Os sabonetes corretos, no entanto, são aqueles que tem o mesmo ph vaginal, que é o neutro. O ph é um índice que define o quanto ácida é ou não uma substância.

Dicas para lavar corretamente a região íntima da mulher

Usando o sabonete íntimo vaginal, as mulheres, segundo o médico, conseguem ter mais defesa contra as bactérias.

Publicidade
Publicidade

Outro erro muito comum é o fato de algumas mulheres se lavarem demais, achando que com isso vão ficar mais saudáveis. O que ocorre, geralmente, é o efeito contrário. Isso porque o corpo necessita de anticorpos importantes, que só são adquiridos quando ele entra em contato com o desconhecido. O doutor José Bento explica que existem muitas marcas de sabonete íntimo e que não é necessário que esteja escrito que ele seja o vaginal, mas sim que tenha o ph neutro, não causando assim nenhum problema à saúde da mulher.

Nada de usar absorvente todos os dias

Outra coisa que o especialista adverte é o uso indevido do absorvente. Usar o utensílio todos os dias aumenta a temperatura na região e favorece, por exemplo, o aparecimento de bactérias e fungos. Um dos que mais gosta das regiões molhadas é a candidíase, que também é bem comum na boca.

Publicidade

A necessidade de deixar a região arejada foi um dos motivos, segundo o médico, da criação da saia.

O que é um corrimento normal?

O ginecologista ainda aproveita para explicar o que é um corrimento normal. De acordo com ele, é natural que essa secreção tenha a cor parecida com a de uma clara de ovo, quase transparente, sem cheio, ardor ou coceira. Caso a mulher tenha algum corrimento que não seja assim, o recomendado é que ela procure um ginecologista que possa auxiliá-la. O corrimento se relaciona ao ciclo menstrual. #Curiosidade