Dormir é uma delícia! É o momento mais sagrado e respeitado do nosso dia, além também de ser o mais desejado por muita gente. Mas, do ponto de vista da evolução, é um comportamento difícil de explicar. Para o homem das cavernas, dormir podia significar nunca mais acordar, pois a chance de ser atacado por um predador era grande. E, mesmo hoje, em que esse risco é muito menor, o #Sono continua sendo meio paradoxal, porque nos faz desperdiçar um terço do nosso tempo de vida consciente.

Mas todos sabemos que uma boa noite de sono é essencial para descansar nossa mente e #Corpo, para nos deixar preparados para o dia que vem a seguir.

Publicidade
Publicidade

Mas existem muitas pessoas que possuem o hábito de dormir muito tarde ou repousam por apenas algumas horas. Muitos estudos já comprovaram que manter tal rotina não é algo muito saudável.

Mas o que acontece com o nosso corpo nessas gloriosas horas em que estamos dormindo? Separamos 5 fatos fascinantes que você provavelmente não sabia que acontecia com você.

1 - Ranger dos dentes

O fenômeno conhecido como bruxismo (aperto ou ranger dos dentes) acontece com muitas pessoas durante o sono. Ele pode ser agravado pelo stress ou por uma mandíbula desalinhada, mas os estudos ainda não identificaram a razão pela qual algumas pessoas nunca passam por isso enquanto outras acabam com os dentes rachados, desgastados e com os músculos da mandíbula doloridos.

2 - Estreitamento da garganta

Ao dormirmos, os músculos que mantêm a garganta aberta quando estamos acordados relaxam e, consequentemente, o tamanho dela diminui.

Publicidade

Isso pode ocasionar o ronco profundo. Nessas situações, o maior problema não é o desconforto que provoca aos outros, mas a possibilidade de ocorrerem interrupções na respiração que podem ter como consequência problemas cardiovasculares mais graves. Outros possíveis problemas incluem sonolência durante o dia, baixo rendimento intelectual e no trabalho, cansaço e irritabilidade persistente.

3 - Os olhos se movem com velocidade

A sigla R.E.M., que utilizamos para uma das fases do sono, significa “rapid eye movement”, ou “movimento rápido dos olhos”, em tradução livre. Como também é nessa etapa em que sonhamos mais intensamente. O sono REM se inicia cerca de 60 ou 90 minutos após pegarmos no sono. Nesta fase, nossos olhos se movimentam com muita velocidade para trás e para frente, e nós não percebemos, pois a mente está focada no sonho.

4 - Excitação íntima espontânea

Tanto homens quanto mulheres podem apresentar excitação deste tipo enquanto dormem. Isso ocorre devido ao pico da atividade cerebral durante a fase de movimento rápido dos olhos.

Publicidade

Não é raro os homens acordarem com ereção e as mulheres despertarem com lubrificação em suas partes íntimas e com os bicos dos seios enrijecidos. De acordo com especialistas, ter orgasmos durante o sono é perfeitamente comum e pode acontecer com qualquer pessoa.

5 - O sono promove uma faxina no cérebro

Nosso corpo nunca para suas funções e não deixa de ser incrível até mesmo na hora em que dormimos. Assim como o seu smartphone precisa de uma limpeza temporal de memória, o mesmo acontece com o seu cérebro. Enquanto descansamos e recuperamos nossas energias na cama, nosso sistema cerebral apaga todas as informações inúteis que armazenamos durante o decorrer do nosso dia. Funciona como uma espécie de descarrego de tensões e preocupações, como aquela sua aula que foi inútil pela manhã ou o dia no trabalho que não lhe rendeu em nada a não ser estresse. #Curiosidades