Agradar uma mulher pode ser muito difícil. Isso porque elas não funcionam da mesma maneira que os homens. Cada sexualidade tem suas #Curiosidades, além da individualidade cada ser humano em si. Muitas mulheres acabam, por exemplo, fingindo estarem felizes, até mesmo quando a felicidade envolve o ato sexual. Isso acontece por muitos motivos, como para não magoar o companheiro. Outras representantes do sexo feminino costumam mentir sobre os seus sentimentos por pura comodidade, ou seja, elas não estão nem um pouco a fim de falar sobre esse assunto com seus namorados ou maridos.

Pensando nisso, preparamos uma lista de cinco coisas que não costumam excitar ou animar as mulheres, mas que, mesmo assim, elas fingem gostar.

Publicidade
Publicidade

Lembramos que a lista a seguir não é baseada em um fato científico, mas fala sim bastante sobre o comportamento humano.

1 - Apelido - As mulheres costumam serem seres carinhosos, mas isso não significa que elas levem a relação a dois como se fosse uma brincadeira de criança. Muitas não acham nada excitante esse tipo de comportamento.

2 - Homens mal cuidados - Há até quem diga que gosta de um homem barrigudo, mas já notou a cara da maioria delas quando passa um lindo rapaz pela rua, todo sarado? Pois é, isso já indica que ela pode estar mentindo sobre esse tipo de ação.

3 - Carinho demais - Muitas mulheres reclamam da falta de atenção dos companheiro, mas atenção em excesso costuma ser sufocante e nada excitante. Por isso, tome cuidado para não exagerar na dose e não perder a mulher.

4 - Gritos na hora 'H' - No geral, a relação a dois propicia o prazer e não dor de cabeça.

Publicidade

Ficar com alguém gritando ao seu lado é de tirar a paz. Muitas, no entanto, fingem gostar da ação e tentam entrar no clima.

5 - Cheiro de homem - Há gosto para tudo, mas nada pior do que alguém que chegou da rua e já vai para cama sem banho.

E você, o que achou da nossa lista? Alguma dessas coisas já aconteceu com você ou com uma pessoa mais próxima? Deixe o seu comentário. A sua opinião é sempre muito importante para todos nós e ajuda no diálogo de temas relevantes para a sociedade.