Segundo um estudo realizado por britânicos, 30 anos é a idade em que o ser humano já alcançou um estágio de plenitude em relação a sua estabilidade financeira, a sua carreira e especialmente em relação a sua vida amorosa. É também quando acontecem as melhores conquistas e quando há maiores picos de felicidade.

Mas por que isso ocorre só aos 30? Foram analisadas duas mil pessoas na Inglaterra durante esta pesquisa, e a conclusão que os pesquisadores chegaram foi que aos 30 anos as pessoas já viveram tudo o que tinham que viver e já aprenderam as lições mais importantes que tinham que aprender.

Já passaram a se gostar como são, do seu corpo e experimentar coisas novas já não é um problema.

Publicidade
Publicidade

Por isso, praticam sexo de um jeito bem melhor, ou seja, já estão prontos para encontrar o seu verdadeiro amor.

Veja a seguir quais são as sete lições que uma pessoa normalmente já aprendeu sobre o #amor quando chega nos seus 30 anos de idade:

1 - Adquirir experiência é bom

Depois de passar por algumas experiências amorosas durante seus 20 anos, você já aprendeu tudo o que lhe agrada e o que não agrada em um relacionamento, já teve algumas ou muitas decepções e não quer passar por mais nenhuma delas.

2 - A inteligência emocional é tudo

Suas fases de inseguranças já passaram. Agora, com 30 ou mais, sua autoestima já está melhor, sabe bem o que quer e como quer ter uma relação e não se deixa ser influenciado pela opinião de terceiros.

3 - Ciúmes são prejudiciais

Já não há inseguranças em relação ao que busca e a quem você busca.

Publicidade

Por isso, os ciúmes ficam para trás, assim como a desconfiança, que, como já aprendeu, são tipos de emoções prejudiciais. A crença de que tudo vai dar certo e o respeito pelo próximo são maiores nesta fase da #vida.

4 - É a fase do melhor sexo

Agora você já conhece melhor o seu corpo e já sabe como usufruir dos prazeres que o sexo pode oferecer de um modo muito mais intenso do que antes, em sua juventude.

5 - É melhor amar a si mesmo

Mesmo que você ame uma pessoa intensamente, sabe que seus objetivos e sonhos não devem ser deixados de lado por motivo algum ou por quem for.

6 - Levar um fora não é o fim do mundo

Todo fora serve para que o indivíduo aprenda novas lições e depois de receber um, todo mundo sabe que o mundo não acaba. Pelo contrário, faz parte da formação do caráter e do caminhar para o desenvolvimento afetivo.

7 - O ciclo das coisas é compreendido

Aos 30 anos, a pessoa aprende que cada etapa da vida dela é formada por determinados ciclos e eles precisam de desfechos e recomeços. Depois de já estar totalmente calejada, a pessoa já não teme mais os términos, pois sabe que quando uma porta se fecha, existe a enorme probabilidade de outra melhor pode se abrir. E mesmo se a outra não for melhor, basta continuar tentando que uma hora chega lá! #Relacionamentos