Quando começamos a nossa vida amorosa sempre sentimos aquele friozinho na barriga, é um sentimento único e especial, que fica marcado pelo resto de nossas vidas. É quando finalmente nos sentimos envolvidos com o primeiro namorado, é a época em que certamente passamos a viver momentos de descobertas e sensações que sempre tivemos a curiosidade em saber.

É com ele que cometemos muitas loucuras, e talvez isso aconteça por se tratar do primeiro amor, pois a maioria das pessoas fazem de tudo para manter o sentimento vivo na relação, seja por medo de perder o primeiro parceiro ou para agradá-lo. Mas conforme o tempo vai passando e vivemos novas experiências amorosas, deixamos de praticar alguns atos em nome do amor.

Publicidade
Publicidade

Pensando nisso reunimos algumas coisas que o primeiro amor nos ensina, acompanhe e veja quais são:

Falar eu te amo no início do namoro

Quando começamos a namorar sentimos grande necessidade em diz o primeiro “eu te amo”, porém a verdade é que muitas pessoas nem sabem o que é o verdadeiro amor ainda, mas estão completamente ansiosas para saber qual é a sensação desse sentimento tão maravilhoso e especial. Logicamente que não queremos generalizar, mas certamente isso acontece com muitas pessoas durante o primeiro namoro.

Fazer declarações de amor diariamente

O primeiro namoro é normalmente repleto de provas de amor, principalmente aquelas declarações melosas que estão presentes no início do primeiro #Relacionamento amoroso. Como falamos acima, muitas pessoas estão ansiosas para saber como é dizer “eu te amo” para o par, e realizar dezenas de declarações diárias também faz parte desse pacote amoroso.

Publicidade

Porém, é completamente normal notar que essas declarações diárias podem deixar o relacionamento um tanto chato e enjoativo, e com isso, muitos casais tendem a deixar esses costumes de lado com o passar do tempo.

Dar total exclusividade

O primeiro amor costuma estar em primeiro lugar na nossa vida, e podemos deixar de lado nossos familiares, amigos, vida profissional e estudos para se entregar completamente. Depois de um tempo isso pode fazer com que a vida nos prove que esse #Comportamento é errado, e que nem sempre devemos por o nosso parceiro em primeiro lugar, pois infelizmente, muitas vezes, vamos nos decepcionar amorosamente e podemos perder pessoas realmente especiais que fazem parte de nossa rotina.

Acreditar que vai durar a vida toda

Logicamente que o primeiro namoro é repleto de sonhos, planos e fantasias, porém depois de algum tempo isso nos ensina que infelizmente nada dura para sempre e que possivelmente chegarão outros amores em nossa vida. Isso faz com que acreditemos que infelizmente o primeiro amor não é capaz de se eternizar, a não ser quando encontramos o verdadeiro amor em nosso primeiro relacionamento.

Publicidade

Fazer dezenas de cartas de amor

O primeiro amor é algo gostoso de viver e faz com que desejemos provar isso constantemente ao nosso par. Escrever dezenas de cartinhas declarando o amor contido na relação é algo muito comum, porém isso certamente acontece somente no primeiro relacionamento. Não estamos dizendo que depois disso ninguém pode dar cartas ao seu amor, mas o primeiro namoro envolve aqueles sentimentos do ensino médio, onde é muito comum fazer as tais cartinhas.