Há inúmeros casais que acabam por terminar o #Relacionamento e esquecem que uma vez tiveram um grande amor. Esse amor parece ficar no passado e se transformar num futuro ódio. Por muitas vezes, alguns não podem sequer se ver sem que problemas venham à tona e discussões se tornam inevitáveis.

Mas como impedir isso de acontecer? Tudo parte do término. Afinal, encerrar uma relação pode ser bastante complexo, e feridas podem ficar abertas, fazendo com que sejam cutucadas com lembranças desagradáveis do passado. O fim de um relacionamento de amor pode ser o início de uma relação de ódio.

10 passos de como terminar um relacionamento evitando atritos

1) É importante refletir nos motivos que levarão ao fim do relacionamento, e saber o que incomoda.

Publicidade
Publicidade

Se é o parceiro, seu #Comportamento, seu jeito, suas mudanças ou o que for. Decidir o ponto-chave do término é fundamental.

2) Se estiver indeciso quanto ao término, elabore uma lista de prós e contras dentro do relacionamento e avalie o que vale ou não a pena.

3) Os problemas em questão não podem ser resolvidos conversando? Se a resposta for “não”, é porque mais da metade do caminho fora percorrido rumo ao término.

4) Desabafe com o amigo mais próximo, e dê ouvidos ao que ele tem a dizer. Veja a opinião de quem está de fora.

5) Não pare a sua vida pensando apenas nisso. Siga estudando, trabalhando e o que for para evoluir sem pensar neste passo como uma corrente que aprisiona.

6) Mas se você quiser sair com outras pessoas, faça isso depois de terminar. Não se envolva emocionalmente com ninguém antes de ter uma conversa séria com o atual parceiro.

Publicidade

7) Chame para uma conversa particular, pessoal e presente. Nada de tecnologias neste momento. É importante o olho no olho neste momento.

8) Inclusive, este será o momento perfeito para devolver os pertences do parceiro.

9) Evite duas coisas: adiar o compromisso e chamar a atenção. Busquem um local privado, sem distrações e que a conversa possa fluir.

10) Vá direto ao ponto, explique o que ocorre e seja firme. Mas também abra espaço para ele falar. Com uma conversa sadia e madura, o fim dela poderá ser o estopim para uma relação de respeito mútuo sem atritos futuros. #Briga