Os rapazes vão até ficar com os pelos 'arrepiados' após saberem de uma modalidade de troca que está acontecendo na cidade de Buryatia, na Rússia. Por lá, belas mulheres estão oferecendo seus corpos em troca de uma "ajudinha". As gatas aceitam irem para cama com homens que sejam dotados de talentos, como por exemplo, fazer aquela correção na goteira da pia. Outras também aceitam presentinhos em troca da transa. A situação não é bem uma prostituição, pelo menos não como nos moldes antigos. Isso porque as mulheres, no geral, não querem dinheiro, mas um homem que faça o que um marido, provavelmente, faria.

Como são solteiras e também gostam de sexo, elas topam fazer a troca gentil. Para isso, muitas expõe seus rostos em redes sociais. Homens agora estão dando uma ajuda à elas sem cobrar nada. Todos os tipos de trocas são propostas. Você sabe fazer a manutenção de um automóvel? Caso sim, teria muitas propostas indecentes sendo um morador da cidade Russa. Alguns pedidos, no entanto, não requerem tantas habilidades, como passear com os animais de estimação. "Este é um projeto para encontros mutuamente benéficos. Aqui você pode trocar serviços por sexo. E, também, oferecer sexo para um serviço", diz um comunicado de um dos sites que favorece esse tipo de relação que não deixa de ser uma grande novidade.

Em entrevista ao site da BBC Brasil, uma jovem, na condição de anonimato, explicou porque escolheu o polêmico site. Ela disse que precisava de alguém para trocar a fiação de todo o seu apartamento, que tem dois quartos. A jovem, que tem 26 anos, informa que isso não custaria barato e que, por isso, decidiu procurar a rede de relacionamento virtual. Como o serviço era complicado, em troca, ela não ofereceu apenas uma noite de sexo, mas duas ou três vezes. A jovem ficou surpresa, pois nove rapazes se ofereceram para fazer o serviço. Dependendo da beleza e da competência do rapaz, o número de relações, segundo o anúncio dela, poderia aumentar.

Um dos motivos para que as mulheres estavam fazendo isso é a crise no país. Além disso, muitos homens se sentem sozinhos e não tem dinheiro para bancar garotas de programa. Assim, um ajuda a resolver o "problema" do outro. #Curiosidade