Provavelmente você já se deparou com uma imagem incomum de uma bola subindo ao invés de descer. O que muitos não sabem é que isso é mais uma ilusão que tenta enganar seu cérebro devido a diversos fatores.

As chamadas “ladeiras gravitacionais” são locais onde as coisas sobem morros e pequenas ladeiras ao invés de descer. No vídeo abaixo você pode ver esse fenômeno em ação, o carro é colocado em ponto morto no meio de um morro. Nesse momento, o inexplicável acontece! Pela lógica, o veículo teria que descer o morro, porém ele começa a subir sem nenhuma explicação.

Mágica?

Muitas pessoas acham que esse fenômeno é algo “do outro #Mundo”, quando na verdade há uma explicação lógica para isso.

Publicidade
Publicidade

De acordo com Bec Crew, do portal “Science Alert”, não existe nada de sobrenatural ou maligno nessas estradas.

Na verdade, se trata de uma junção de fatores do local que cria uma espécie de ilusão de ótica capaz de enganar totalmente seu cérebro. Na verdade, o terreno tem uma inclinação que faz com que nossos olhos acreditem se tratar de um aclive, quando na verdade se trata de um declive.

As planícies do local, juntamente com a formação rochosa e árvores, ajudam a reforçar a ilusão de que as coisas estão subindo ao invés de descer. Se observamos bem, na maioria das vezes, o horizonte não está visível, isso acaba tirando toda nossa noção de localização.

Fenômenos como esse são bastante comuns, alguns alteram totalmente nossa percepção, como é o caso de pessoas que ficam perdidas em grandes florestas, como as árvores são em sua maioria parecidas e escondem o horizonte, nosso cérebro se “embaralha”, perdendo toda a sua capacidade de localização.

Publicidade

Nos desertos, por outro lado, o horizonte cria uma espécie de miragem, capaz de enganar qualquer desavisado. A relatos de pessoas que morreram de sede por seguirem um oásis achando que iriam encontrar água. Por isso, não acredite em tudo que seus olhos veem, o ser humano tem a capacidade incrível de ser enganado por pequenas coisas que acontecem a todo momento em seu redor.

As pequenas coisas também podem ser as mais perigosas. #Curiosidades #Ciência