Entre os requisitos para uma boa relação a dois estão amor, respeito e honestidade. Sem eles, fica muito difícil que a relação sobreviva e floresça mesmo que ela possa ser interessante e prazerosa de vez em quando.

Por isso, qualquer que mulher que esteja pensando em um relacionamento, especialmente de longo prazo, fará bem em analisar o que conhece do caráter do pretendente (ou "pretendido") antes de embarcar no que pode muito bem ser uma canoa furada.

Entre as bandeiras vermelhas (red flags, em inglês, sinais de alerta) comportamentais, podem ser mencionadas as quatro seguintes:

1 - Infidelidade

Se ele já foi infiel, são fortes as chances de que torne a sê-lo. Sim, as pessoas podem mudar, mas há boas razões para ser bastante pessimista neste caso e concordar com a Bíblia, que diz que os leopardos não podem mudar suas manchas e "que foi, isso é o que há de ser; e o que se fez, isso se fará".

Publicidade
Publicidade

A não ser que a mulher esteja disposta a se conformar com as traições que quase inevitavelmente virão, este é um tipo a ser evitado.

2 - Violência

Homens violentos, do tipo que ameaça, quebra objetos quando irritado e pode até machucar as pessoas, não mudam de temperamento e comportamento só porque se casaram. Não é difícil imaginar o temperamento violento voltando-se contra a família ou pelo menos a envolvendo em turbilhão de problemas em consequência de suas interações com as outras pessoas.

3 - Possessividade

Além de ser sinal de baixa autoestima, provavelmente significa que ele ficará sufocando a parceria, especialmente se a relação for do tipo (#Casamento, por exemplo) que ele julga dar-lhe o direito de fazer isso. Ceninhas, chateação, constrangimento e talvez até violência poderão ser inevitáveis.

Publicidade

4 - Vício

Um sem-fim de problemas é causado por vícios, como o do jogo, o das drogas, o do álcool, para citar só três. É o tipo de coisa que leva o desassossego aos lares e destrói as famílias e a paz dos casais. Em resumo: um homem assim é uma fria que deve ser evitada custe o que custar. #coisas