Sempre que o assunto é #pornografia, sabemos que os maiores consumidores ainda são os homens. Mas não é o que um estudo recente está dizendo. Segundo dados, em se tratando de pornografia pelo celular ou qualquer outro aparelho móvel, a liderança feminina é disparada.

Conforme os dados apurados e compartilhados pelo o site "PornHub" em um postagem do Jornal Inglês "Mirror", as mulheres estão superando os marmanjos com 80% de tráfego pornográfico em aparelhos móveis, principalmente, pelo o celular. Sabemos que 72% de todos os acessos vêm de aparelhos portáteis como smartphones e tablets. Os outros 28% são acessados por desktops.

Publicidade
Publicidade

Segundo os dados da pesquisa, os números são referentes ao mês de fevereiro 2017. Das mulheres que viram pornografia, a maioria foi por meio de aparelhos móveis. Das que usaram celulares, a sua maioria são jovens e mulheres adultas. Elas têm idades variadas em 18 e 34 anos.

O que se pôde observar também foi que mulheres com mais idade, preferem acessar conteúdos adultos pelo o desktop. Em relação aos homens, o número é semelhantes. Os jovens preferem assistir vídeos pelo celular enquanto os mais maduros sempre acessam por um desktop.

Esse mesmo site levantou uma pesquisa, no início do ano, para ver como eram os acessos dos vídeos pornôs pelo o mundo. De acordo com relatórios do site, o Brasil foi o 10º país que mais acessou sites adultos no mundo. Em primeiro lugar ficaram os Estados Unidos.

Publicidade

O certo é que a pornografia tem crescido absurdamente na #Internet. Segundo dados, cerca de 20% de todos os acessos, atualmente, são de conteúdo adulto. O que sabemos é que pornografia vicia e devemos tomar bastante cuidado para não cairmos em outra estatística, a dos viciados em pornô na internet. Muitas pessoas perdem quase toda a noite navegando, e se tornam reféns da pornografia.

Pesquisas já comprovaram que apenas algumas horas assistindo vídeos pornôs podem influenciar negativamente no desenvolvimento da massa cinzenta numa específica região no nosso cérebro. #pornográficos