Mesmo estando no século 21, ainda existem muitos tabus envolvendo #sexo. Muitas dúvidas precisam ser esclarecidas para que as pessoas se soltem e vivam suas relações sexuais plenamente. Uma dúvida que paira na mente de homens e mulheres é a duração ideal para uma #relação sexual acontecer.

Na cabeça dos homens e mulheres surge o eterno medo de não agradar ao parceiro. E sempre surge a pergunta que não quer calar, que é: Qual seria a duração ideal de uma relação amorosa?

Se formos nos basear apenas em filmes de sexo, as relações são sempre duradouras, cheias de posições mirabolantes e de no mínimo meia hora sem cansar. Mas para os simples mortais, a vida é real.

Publicidade
Publicidade

Por mais experiente que o casal possa ser, poderá sentir uma tremenda insegurança sobre a duração ideal de uma relação.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Utrecht, na Holanda, reuniu dados de 500 casais heterossexuais de cinco países (Holanda, Reino Unidos, Estados Unidos, Espanha e Turquia). As mulheres marcavam no cronômetro que era acionado no momento da penetração e desligado no momento da ejaculação. O resultado foi bem variado: de relações de 33 segundos a outras de 44 minutos.

A conclusão do estudo relatou que:

  • Em média, uma relação saudável dura entre 7 e 13 minutos – isso sem contar as preliminares e contando até o momento em que ambos atingem o orgasmo. Este é o tempo suficiente para atingir o clímax sexual.
  • Para os autores desse estudo, menos de 2 minutos é pouco e mais de 10 minutos já é suficiente para se chegar ao orgasmo, mas depende do casal.
  • Alguns problemas podem interferir a relação sexual: cansaço, saúde, estresse, preocupações, brigas e outros.
  • Homens de 18 a 30 anos tiveram, com mais frequência, penetrações de 6,5 minutos.
  • Os homens com idades superior 51 anos, a média foi de 4,3 minutos.
  • Ainda não há estudos relevantes sobre o tempo de orgasmo feminino.

Na verdade, em um relacionamento amoroso, o casal tem que se adaptar ao tempo deles, para viver a vida e aproveitar o que a relação sexual tem a oferecer.

Publicidade

Se a mulher demora mais para chegar ao clímax, o homem tem que respeitar esse tempo que ela precisa. Se ele sofre com problemas de ejaculação precoce ou outros, a mulher tem que respeitar e juntos resolverem esse assunto. Precisamos parar de se preocupar com o que a sociedade pensa. Façam o que dá prazer e não tenham vergonha de falar sobre sexo. Entrem em sintonia e aproveitem o que a vida oferece a você. #Relacionamentos