Sem dúvidas, problemas entre casais que envolvem infidelidade são os mais complicados de se resolver. São muitas as concepções da sociedade sobre este assunto, essas, que muitas vezes, impedem o surgimento de um maior esclarecimento sobre este assunto tão delicado.

O que leva uma pessoa a trair?

Geralmente, não existe apenas um motivo que leva uma pessoa a trair, isso considerando que cada relação é de um jeito, tem seus próprios problemas distintos e que cada indivíduo, encara a #traição de uma certa maneira. Exemplo disso, são alguns casais que consideram mínimos detalhes como olhar para outro na rua ou achar uma pessoa bonita, como se fosse uma traição, enquanto, para outros, essas coisas não possuem importância alguma.

Publicidade
Publicidade

De um modo geral, todo mundo pensa que é mais comum o homem trair, porém, não existe nenhum tipo de teoria científica que comprove tal coisa. Ao que tudo indica, essa ideia é reforçada através de fatores sociais que influenciam toda uma sociedade e inclusive, até mesmo, algumas pesquisas sobre o assunto.

O que isso quer dizer?

Em outras palavras, isso indica que as mulheres são bem mais criticadas do que os homens quando são infiéis, pois, para eles, o ato de trair, é encarado de outra maneira pela sociedade, que chega a considerar a traição cometida por eles como algo normal.

Isso faz com que os rapazes, admitam mais facilmente quando ‘pulam a cerca’ em muitos casos, o que permite a eles, enfrentar tal situação com maior naturalidade. O que, por outro lado, não indica necessariamente que eles sejam menos infiéis.

Publicidade

A falta de sexo

Muitas pessoas colocam a falta de sexo como um dos maiores motivos para uma pessoa trair o seu cônjuge.

A falta de amor

Entretanto, se um dos parceiros for infiel, não indica necessariamente que o amor entre o #Casal acabou. Isso porque, em diferentes tipos de casos, as pessoas sabem bem separar o sexo do amor e, por isso, vão procurar aventuras extraconjugais, mesmo sem nunca ter deixado de amar o seu cônjuge.

A ocasião que pede

Este talvez seja o motivo que mais faça sentido entre todos, onde a ‘ocasião faz o ladrão’. Ou seja, a situação ficou fora de controle e foi tudo acontecendo naturalmente. Isso ocorre em especial com pessoas quem nunca pensam em trair seus parceiros ou parceiras e que, de repente, se vê em uma situação tentadora para ter uma relação extraconjugal.

Pessoas que priorizam seus #Relacionamentos e que tentam ser fiéis aos seus cônjuges, custe o que custar, bem lá no fundo, sabem que não deixamos de sentir atração por outras pessoas fora do relacionamento, só porque estamos em um mais sério. E, no fim das contas, ninguém pode mandar em seus próprios sentimentos, sejam eles fortes e verdadeiros, ou apenas atrativos, sem valor algum.