É comum que representantes do sexo feminino finjam satisfação total durante uma relação íntima. Algumas mulheres viram verdadeiras especialistas nisso. A mentirinha pode ter muitas razões e provoca, é claro, diversas dúvidas nos homens. Isso porque, muitas vezes, eles ficam realmente preocupados se estão dando ou não prazer em quem tanto amam. Mas afinal, fingir um orgasmo é ruim? Isso é muito comum em relacionamentos, sejam aqueles que acabaram de começar, ou os que já se perduram por alguns anos. Por isso, pesquisadores da Universidade of Leeds e University of Central Lancashire, no Reino Unido, decidiram fazer um estudo a respeito do assunto.

Publicidade
Publicidade

Pesquisa traz resultado surpreendente

A pesquisa revelou que a grande maioria das mulheres já fingiu pelo menos uma vez estarem completamente felizes no fim da relação. 80% delas garantem. Sim, já fingiram orgasmo pelo menos uma ou muitas vezes. Isso acontece, pois no geral, o homem chega primeiro ao ápice do prazer, mas é sim possível que os dois se sintam felizes com ou sem a famosa "mentirinha". Isso porque a pesquisa feita no Reino Unido concluiu que isso pode ser a grande válvula de escape dos relacionamentos e evita o estresse e até aquelas famosas brigas discutindo uma relação. No entanto, os mesmos cientistas alertam para as mulheres que é necessário que eles fiquem atentas a fim de que isso não se perdure todo o tempo.

Psicólogo questiona por que mulheres tomam tais atitudes

O psicólogo Diego Henrique Viviani questiona se a mulher faz isso realmente para ver o homem feliz, ou por simples preguiça de não ajudá-lo a fazer o caminho certo.

Publicidade

Outro questionamento que ele faz a respeito do assunto é se as mulheres não fingem isso por estarem ainda não bem acostumadas com o próprio corpo, ou seja, nem elas mesmas sabem o que é e como é ter um orgasmo e, por isso, acabam fingindo para tudo ficar teoricamente mais bonito e feliz.

Apesar de não necessariamente fazer mal é preciso atenção no excesso de mentiras

A Sexóloga do Hospital Pérola Biyngton, Quetie Mariano, fala do outro lado. Ela diz que isso pode fazer bem ao casal, pois aumenta o desejo de realmente se chegar ao ápice do ato íntimo. Carla Cecarello, outra sexóloga, revela que é preciso cuidar para que a vida a dois não vire uma grande mentira, pois a mulher acaba se colocando em uma situação como se nada estivesse errado. Ela explica que, na grande maioria das vezes, uma simples conversa com o marido pode resolver esse tipo de situação e que para atingir a felicidade é preciso sim ter o diálogo. #Curiosidade