A força de um #Homem pode ser medida por diversos fatores que levam em conta seu porte físico e suas capacidades em realizar feitos que só os mais corajosos puderam fazer. Na mitologia grega, Hércules era considerado metade homem e metade Deus, sendo a objetificação da virilidade masculina representada por séculos. Um pouco mais adiante, Sansão tinha sua força medida nos cabelos, conforme os livros bíblicos falam. Mas, em países como a China, uma força de um homem pode ser medida pelos seus testículos.

E não estamos falando de tamanho, mas sim de uma força capaz de puxar até sete #Carros, como aconteceu com um homem que cumriu o desafio ao meio de inúmeros telespectadores da televisão estatal chinesa.

Publicidade
Publicidade

O homem coloca uma corda entre os testículos e segue arrastando os veículos com uma cara que chega a dor dor em qualquer pessoa que assistiu esse desafio que está viralizando na internet.

Para mostrar que o vídeo era verdadeiro, o homem chega a mostrar para todos os curiosos que a corda realmente estava envolta em seu saco escrotal. Para ajudar a aliviar a tensão no local um protetor amarelo é colocado na corda, que é amarrada aos testículos do homem, que logo são cobertos por sua blusa azul. Várias pessoas filmaram a ação, onde o homem puxava sozinho, sete carros amarrados por uma corda em uma rua na província de Zibo.

No começo, Ye Wei inicia o desafio com passos lentos, até que os carros aos poucos começam a se movimentarem fazendo com que o homem aproveite esse impulso. Dá para ver que ele tem que fazer muita força para que tudo dê certo, além de inclinar seu corpo para trás para aliviar a tensão em uma parte tão sensível de seu corpo.

Publicidade

O vídeo bizarro viralizou na internet, mas na China esse tipo de coisa é bastante comum, onde os homens consideram sadio exercitarem essa parte do corpo, além dos momentos sexuais. Por isso o desafio do homem atraiu tantas pessoas, que acabam achando isso normal, mas que se fosse realizado em outros países como o Brasil, seria considerado algo completamente estranho. Assista: