Assuntos como sexo e práticas sexuais já foram grandes tabus na sociedade. A algum tempo atrás, era estritamente proibido falar sobre temas como estes. Embora hoje ainda tenhamos algumas dificuldades para falar sobre temas tão necessários, felizmente, já tivemos melhoras significativas.

Publicidade

Assuntos como a masturbação e o conhecimento do corpo devem ser cada vez mais difundidos entre as pessoas, para que assim possamos gerar conhecimento. O hábito de masturbar-se, por exemplo, pode sim trazer grandes benefícios para quem faz tal prática, porém pode também trazer alguns problemas, problemas estes que estão longe daquilo que as pessoas pensam..

Publicidade

O hábito pode se tornar prejudicial a partir do momento que adquire características de um vício. Quando algo que inicialmente tinha a função de garantir prazer, conhecimento do corpo e ainda alguns benefícios para a #Saúde se torna algo prejudicial e necessário rever algumas coisas e tentar diminuir drasticamente a prática, pois caso contrário isso pode afetar intensamente a vida social.

Confira alguns outros problemas que a masturbação como vício pode causar.

  • Prejudica a vida social

Como já foi citado anteriormente, o vício pode afetar a vida social. Isso acontece quando começa a interferir direta ou indiretamente em coisas comuns que fazemos no dia a dia, deixar de lado o trabalho ou estudos para ter mais tempo para a prática é um sinal de que as coisas estão fora do controle..

Publicidade

  • Causa dores

As relações sexuais a dois em excesso também pode causar algumas dores, mas a dor proveniente da masturbação é devido ao atrito com as mãos e unhas. Outros fatores que podem levar à ocorrência de dores e irritações é o uso de géis e lubrificantes.

  • Prejudica a vida sexual a dois

Já foi mencionado sobre a importância da masturbação no autoconhecimento, algo que é importantíssimo para a relação a dois. Porém, a prática excessiva traz também desvantagens para a vida em casal. Quando alguém se acostuma a atingir o clímax apenas em uma posição são criadas algumas limitações para outras posições, prejudicando assim a vida do casal.

  • Não conseguir parar

O maior risco de todo vício é que a pessoa não consiga mais parar. Caso isso aconteça os itens citados acima só irão de intensificar. Existem profissionais como, por exemplo, psicólogos, que podem ajudar pessoas que se sentem em situações de vício. Caso você se enquadra em alguns dos itens acima tente se policiar ou procurar ajuda profissional. #Curiosidades