Para muitas pessoas, principalmente os jovens, acorda cedo não é nada fácil. Algumas pessoas chegam a passar a parte da manhã toda dormindo e acordando após o horário de almoço. Porém, a #Ciência explica o motivo de algumas pessoas não conseguirem acorda cedo.

Há dois tipos de pessoas, as noturnas e as matutinas. Conforme estudos da Universidade de San Diego, nos Estados Unidos, o ciclo circadiano de cada pessoa é diferente.

Esse ciclo circadiano é a rotina que cada pessoa tem em um período de 24 horas e atinge o psicológico e até mesmo a fisiologia de cada pessoa de uma maneira diferente. Pessoas matutinas e noturnas são chamadas pela universidade de “cotovias” e “coruja”.

Publicidade
Publicidade

As pessoas “cotovias” demonstram mais disposição durante o dia e mais cansaço durante o período noturno. Sendo assim, dormem mais cedo e acordam mais cedo também. Geralmente, são pessoas adultas que têm esse tipo de comportamento.

Já as pessoas “corujas” têm mais disposição no final da tarde e no período noturno. Normalmente, as pessoas com essas características são crianças, adolescentes e jovens adultos até mais ou menos a casa dos 24 anos de idade.

As “corujas” têm o costume de dormir tarde e, por consequência, acordar tarde também. Então, se você é criança, adolescente ou jovem adulto, pode ficar tranquilo, pois a ciência os apoia e os explica.

Com o tempo, as pessoas “corujas” são as que mais sofrem, pois têm que se adaptar ao modo de vida de pessoas com o ciclo circadiano “cotovias”.

Publicidade

Conforme a idade avança, as responsabilidades aumentam. Claro que pessoas “corujas” podem optar por trabalhos noturnos, mas, na maioria das vezes, elas têm que se adaptar ao modo de vida das “cotovias”, acordando cedo indo trabalhar e, por consequência, chegando cansado no final do dia, com a mesma rotina todo santo dia.

A ciência anda muito avançada. Em 2012, os cientistas conseguiram descobrir um gene capaz de determinar se uma pessoa é “coruja” ou “cotovia”. Quando os pais forem brigar com por ter passado da hora na cama, fale que herdou isso deles, pois o gene encontrado pelos pesquisadores é genético, vem de família.

Para crianças e adolescentes, boas horas de #Sono são fundamentais para o crescimento e o desenvolvimento. É normal os jovens dormirem mais do que o preciso. Eles jovens precisam de no mínimo 9 horas de sono, de acordo com as pesquisas.

É na adolescência que começam as mudanças hormonais, afetando diretamente o sono, fazendo com que a pessoa durma mais tarde e, consequentemente, vindo a acordar mais tarde também. #Curiosidades