Utilizar o Facebook para vendas se tornou algo muito comum hoje em dia, por meio de publicações de grupos específicos é possível colocar qualquer produto a #Venda, até mesmo veículos. Claro que na hora de anunciar o seu produto você precisa de algumas estratégias, um homem apostou na criatividade e deu o que falar na rede social, veja qual foi a especificações do seu carro:

Com certeza ele soube usar o humor para fazer uma ótima propaganda do seu carro chamando muita atenção para o seu anúncio. Pensando nessa postagem resolvemos separar para você algumas dicas que podem ser úteis na hora de anunciar seu veículo já que além de um bom conteúdo, fotos e descrição do produto é preciso ficar atento há alguns outros detalhes, vejam quais são:

1 - Invista nas imagens do seu veículo

Caso você não tenha tanta criatividade como o cara da imagem acima, o jeito é partir para outros métodos para chamar atenção e uma delas é investir nas fotos do seu carro ou moto, pois será ela que irá aproximar o comprador do seu produto, então quando mais fotos tiverem a disposição do comprador mais ele poderá se interessar.

Publicidade
Publicidade

2 - Capriche no tipo de foto

Sempre há ângulos melhores que podem te ajudar a vender o seu produto, vale tirar fotos da traseira, da frente e da lateral do veículo, quando tirar da lateral, deixe a foto na diagonal e o veículo enquadrado na imagem. No interior do veículo, deixe o painel ligado para chamar mais atenção, não deixe de mostrar alguns detalhes caso tenha, como DVD, computador de bordo, entre outros, isso pode ser bem interessante.

Fique atento também ao que aparece no fundo da imagem, procure um lugar atrativo e bem iluminado, sem poluições visuais, não se esqueça que o carro deve ser o objeto principal da fotografia. Outra dica é nunca tirar fotos para anúncios com alguém dentro do veículo.

3 - Dê importância para a descrição

O que os compradores esperam ao procurar um anuncio com venda de veículos é encontrar bastantes informações dos produtos, todas bem detalhadas, caso isso não aconteça ele pode desinteressar da compra.

Publicidade

Cite dados históricos do veículo, quilometragem, tempo de utilização, ano e outras observações opcionais que podem ter sido instaladas.

Vale também apostar em detalhes sobre a utilização do carro para enriquecer a venda, como onde ele foi rodado, estofamento, pintura, quantos donos ele já teve e claro, se já sofreu acidente. Descreva também sobre as características do carro ou itens que você considera importante, como o gasto de combustível, o conforto e o som. Muitas vezes vale contar com fatores emocionais, então de ênfase ao que te chama atenção.

Estipule um preço justo, por mais que não seja o que você gostaria e sim aquele que esteja dentro do mercado, valores altos que chegam a fugir da realidade afastam os compradores. #Carros