Se existe uma coisa que todos podem concordar é o fato de que a #Comida é algo maravilhoso. Novos restaurantes e receitas surgem todos os dias graças à alta demanda do público, sempre em busca de 'novas delícias'.

A maioria dos alimentos é projetado para agradar as massas e para dar água na boca. Claro, os gostos tendem a variar, mas muitas pessoas arriscam a dizer que gostam de comidas exóticas.

Nós, então, te desafiamos a provar esses pratos muito incomuns. Confira abaixo seis alimentos difíceis de acreditar que existem.

1. Pernas de #Sapo

Uma iguaria na França e na China, as pernas de sapo geralmente são fritas e dizem ter gosto de frango.

Publicidade
Publicidade

Eas também são ricas em ácidos graxos ômega-3, proteínas e outras vitaminas e minerais.

2. Cascavel frita

A ideia de estar cara a cara com uma cascavel viva arrepia a espinha. Mas, depois de ter fritado, cozido e você pode até passar desapercebido.As pessoas comem esse alimento pela América.

3. Shirako, espermas de peixes

As coisas estão prestes a ficar muito mais estranhas. Shirako é outra iguaria no Japão, servida crua ou cozida. Isso significa "crianças brancas", na língua. A maioria das pessoas que provou considera ter um gosto raro. Eles são, na verdade, espermatozoides de bacalhau.

4. Coração de cobra

Como Indiana Jones, comer corações vivos de cobra no Vietnã é um esporte brutal, que chega até ser televisionado. Não há cozimento ou preparação envolvida. Eles apenas arrancam o coração batendo e começam a comer.

Publicidade

Alguns bebem o sangue depois.

5. Vermes

Nativo do interior australiano, é improvável que o grup witchetty acabe no menu Outback Steakhouse. Principalmente comum na dieta aborígene australiana, esses vermes esportivos podem ser cozidos ou apenas comidos crus. Eles são ricos em proteínas e têm um bom centro suculento. Quem está com fome?

6. #Beondegi

A maioria dos americanos desfruta de um bom petisco com batata ou talvez um pouco de amendoim, mas, na Coreia, eles encapuzam outra coisa inteiramente. Eles chamam de Beondegi, mas também é conhecido como pupae de bicho da seda. Nada como um bom punhado de bichos de seda para matar a fome da tarde!