Sem dúvida, o #Sono é um dos melhores momentos do dia, quando se pode alcançar paz e tranquilidade. Mas nem para todos é assim. Todos conhecem aquelas pessoas que sofrem de sonambulismo, algumas chegam até a cometer alguns atos completamente bizarros.

Você verá aqui as coisas mais estranhas que certas pessoas foram capazes de fazer durante o sono.

Subir em um guindaste de 13 andares

Em Londres, na Inglaterra, ocorreu um caso de uma garota de 15 anos que escalou um guindaste gigante de aproximadamente 40 metros de altura enquanto dormia. A polícia e os bombeiros foram rapidamente até o local para averiguar o que eles acharam ser uma tentativa de suicídio.

Publicidade
Publicidade

Mas, quando subiram no guindaste e foram até a garota, perceberam que ela estava dormindo. Em uma tentativa segura e inteligente de acordá-la, o bombeiro preferiu pegar o celular da garota, ligar para os pais da menina e pedir que eles ligassem para o celular dela.

Feito assim, o toque do celular a acordou de maneira suave, evitando qualquer acidente. Os pais da garota chegaram a afirmar que a menina tinha um histórico extenso de sonambulismo. Ela chegou a ficar em cima do guindaste durante duas horas, até ser retirada de lá por um elevador hidráulico.

Sexo com desconhecidos

Na Austrália, uma mulher tinha o estranho hábito de sair sempre no meio da noite e fazer sexo com estranhos. Até que seu marido a viu fazendo sexo com um desconhecido na rua. Rapidamente, foram em busca de uma ajuda médica para solucionar o caso.

Publicidade

Nem mesmo os médicos conseguiam acreditar naquela história bizarra e chegaram a desconfiar que a mulher dizia aquilo para acobertar os seus atos de traição.

Foi aí que decidiram realizar alguns exames na mulher e descobriram que ela sofria de uma doença chamada sexomnia, que acontece devido uma alteração de comportamento durante o estágio profundo do sono, resultando nos atos cometidos pela mulher.

Dirigir um carro, urinar na rua, bater em um policial e ser multada

Em Denver, nos Estados Unidos, uma enfermeira, antes de dormir, resolveu tomar uma dose de Ambiem, mais conhecido como Zolpiden aqui no Brasil, que no caso é um remédio destinado a pessoas que sofrem de insônia. Mas, devido ao seu sonambulismo, ela levantou-se da cama, pegou o carro e chegou a bater o veículo.

Para tornar a história ainda mais inusitada, ela defecou e urinou no meio da rua. Quando os policiais chegaram para abordá-la, a mulher os atacou enquanto ainda dormia depois de todo o acontecido.

Cometer homicídio

Kenneth Parks foi acusado por homicídio, mas devido aos argumentos que a defesa do homem apresentou, ele foi absolvido. A defesa disse que ele foi até o seu carro e chegou a dirigir 22 quilômetros até o local onde a vítima morava e cometeu o homicídio enquanto dormia.

Os especialistas confirmaram a condição do homem, e por esse motivo, ele foi absolvido do crime. #Bizarro